Pauline Ferrand-Prévot estreou-se com o equipamento da INEOS Grenadiers no ciclocrosse, vertente que não competia desde 2020. A francesa, este ano campeã mundial de BTT XCO, XCC e XCM, esteve na terça-feira na prova de Koppenbergcross, em Oudenaarde (Bélgica) a preparar os Europeus. Nem tudo correu bem, mas a corredora garante que se sentiu bem.

PUB
KTM

Esta é uma corrida muito popular na Bélgica, o que fez com que o número de participantes fosse extenso. Mesmo assim, a novíssima corredora da INEOS Grenadiers logo abriu espaço, subindo posições até à nona, embora vários problemas mecânicos a tenham feito perder tempo. Acabou mesmo por perder o sétimo lugar que tinha à entrada para a última volta, terminando na 12ª posição.

Porém, para Ferrand-Prévot, o mais importante desta prova foram as sensações que teve, tendo em vista os Europeus, cuja corrida feminina de elite disputa-se no domingo, em Namur (Bélgica).

“É verdade que eu realmente não sabia como ia ser [na corrida de terça-feira], já que não fiz nenhuma pausa depois da temporada de BTT, depois dos meus títulos”, explicou Pauline Ferrand-Prévot. “Senti-me em boa forma. Tive alguns problemas mecânicos, mas me senti bem. É um bom presságio”, salientou a francesa, comentando que tem pouco tempo para se preparar para o desafio do próximo domingo.

A prova de Koppenbergcross foi ganha pela até agora imbatível Fem van Empel. Podes ver os melhores momentos da corrida no vídeo em baixo.

Highlights Koppenbergcross Women 2022 (Soudal Ladies Trophy)

Fotografia: Facebook INEOS Grenadiers

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Também vais querer ler…

Ferrand-Prévot tentada a regressar à estrada, mas antes falta conquistar uma medalha

Também vais gostar destes!