O Granfondo Coimbra Region foi um dos eventos selecionados em todo o mundo para servirem de qualificação UCI. São cerca de 25 eventos de qualificação, onde são apurados os 20% melhores participantes em cada faixa etária.

PUB
Riese & Müller Multitinker

Assim, no passado sábado eram cerca de 300 corredores à procura de pontos para qualificarem-se na vertente do contrarrelógio; no dia seguinte, partiram da Zona Ribeirinha de Montemor-o-Velho cerca de mil atletas, que participaram na prova de fundo.

Na vertente masculina, o espanhol Francisco Salido (CD Hovalis) levou a melhor, enquanto na feminina o domínio foi português: Patrícia Rosa (Extremosul/Hotel Alísios/CA Terras do Arade) foi a grande vencedora.

No domingo, a corrida em linha contou com atletas de vinte e uma nacionalidades diferentes, tendo partida e chegada marcada em Montemor-o-Velho, e com passagens por Coimbra, Penela, Góis, Vila Nova de Poiares e Miranda do Corvo.

Na distância mediofondo (106 kms), Pedro Mendes (Higirecolhas/ Vulcal CCC) foi o vencedor, enquanto a francesa Stephanie Gros (individual) superiorizou-se entre as senhoras.

PUB
Giant TCR 2024

Na distância “rainha”, no Granfondo (148 kms), o italiano Matteo Cigala (individual) venceu ao sprint, ao passo que a geral feminina foi conquistada por Ana Sobreira (Love Tiles).

João Cabreira, diretor do UCI Granfondo World Series Coimbra Region, destaca que o evento foi um marco de orgulho na sua vida por “proporcionar aos portugueses a possibilidade de se apurarem para o mundial de CRI e Granfondos”.

Mais info:

Lê também:

Gerês Granfondo 2023 celebrou 10º aniversário com mais de mil participantes

PUB
Beeq

Imagens: organização Granfondo Coimbra Region / Eduardo Campos / Marco Barbosa

Também vais gostar destes!