“Quantas vezes mais, f***-**?”, escreve Oscar Onley numa história publicada na sua conta do Instagram, onde mostra uma radiografia à sua clavícula, fraturada após mais uma queda com consequências físicas para o corredor britânico. Agora foi na Amstel Gold Race, no último domingo.

PUB
Beeq

O britânico de 21 anos tem motivos para estar aborrecido, já que esta é a terceira vez, no espaço de oito meses, que sofre a mesma lesão, apesar desta ser a mais comum no ciclismo em situações de queda.

 

Eis o histórico recente das fraturas de clavícula do desafortunado Onley:

Começou no dia 27 de agosto de 2023, quando o jovem da dsm-firmenich PostNL, vencedora no contrarrelógio por equipas de abertura da Volta a Espanha, cai no dia seguinte, na 2ª etapa. Diagnóstico: clavícula fraturada. Consequência: abandono, obviamente.

Recuperado, regressa no outono para fechar a temporada. No arranque da presente época, brilha em janeiro no Tour Down Under com uma vitória em etapa, antes de ser vítima de outra queda na semana seguinte na Cadel Evans Great Ocean Road Race (28 de janeiro de 2024). Nova fratura na clavícula que o deixa afastado durante dois meses até ao final de março, regressando no GP Miguel Indurain, onde consegue muito bom 3º lugar.

PUB
Giant TCR 2024

Segue-se o 19º posto na Volta ao País Basco há mais de uma semana, que levou Onley a ansiar pelas clássicas das Ardenas, que, no entanto, revelou-se muito curta. Na Amstel, mais uma queda, mais uma clavícula fraturada. A terceira em oito meses.

Ainda não sabemos a duração da indisponibilidade do britânico, que, no entanto, deverá perder várias semanas de corridas antes de um possível regresso por volta de junho ou julho, na esperança de finalmente lançar a sua temporada de 2024…


Créditos da imagem: Oscar Onley Twitter –  https://twitter.com/OscarOnley/status/1776689994918236440/photo/1

Também vais gostar destes!