A dinamarquesa Emma Norsgaard (Movistar Team) venceu a 6ª etapa desta 2ª edição do Tour Femmes após completar os 122,1 kms que ligaram Albi a Blagnac em 2h59m16s.

PUB
Orbea Genius Dealers

Numa etapa em que se previa uma chegada ao sprint, ainda houve uma fuga que resistiu por… um segundo. Emma Norsgaard “embarcou” numa fuga em que apenas ela acabou por sobreviver. Graças ao espírito combativo colocado em prova, conquistou a sua primeira vitória de etapa na corrida.

A neerlandesa Charlotte Kool (Team dsm-firmenich) e a camisola amarela Lotte Kopecky (Team SD Worx – Protime) chegaram logo atrás e fecharam o top 3, respetivamente.

Após esta sexta etapa, a liderança de Lotte Kopecky (Team SD Worx) mantém-se intacta, sendo que ganhou três sobre a segunda classificada, a sul-africana Ashleigh Moolman-Pasio (AG Insurance-Soudal Quick-Step Team), que tem 53 segundos de atraso para a primeira posição da geral. A neerlandesa Annemiek van Vleuten (Movistar Team) fixou-se no 3º posto da geral (+55s).

Juntamente com a amarela, Kopecky também é líder da classificação por pontos; Yara Kastelijn (Fenix-Deceuninck) é a mulher da montanha, enquanto Cédrine Kerbaol (Ceratizit-WNT Pro Cycling) está na frente da juventude.

Quanto à classificação por equipas, a Team SD Worx continua na liderança com uma vantagem de 4 minutos e 25 segundos sobre a Canyon/Sram Racing. A próxima etapa irá ligar Lannemezan a Col du Tourmalet, numa tirada de dificuldade elevada com 89,8 kms.

PUB
Prototype

Mais info:

Lê também:

Tour de France Femmes 2023: Bauernfeind triunfa após fuga madrugadora [com vídeo]

Imagens: Instagram Le Tour de France Femmes

Também vais gostar destes!