Egan Bernal preocupou quando anunciou que foi forçado a desistir na Volta a San Juan devido a uma lesão num joelho, fazendo temer-se que poderia ser estar a ressentir-se dos ferimentos graves que sofreu no acidente em janeiro de 2022, quando treinava na Colômbia e que fez perigar a sua carreira.

PUB
Giant TCR 2024

Todavia, rapidamente o corredor colombiano e a sua equipa, INEOS Grenadiers, vieram esclarecer que o joelho afetado é o esquerdo e não o direito, no qual sofreu a fratura exposta da rótula no referido sinistro. A atual mazela, explicaram, foi causada por uma queda numa das primeiras etapas da corrida argentina.

De qualquer modo, devido a essa lesão e por “sentir dores no joelho”, como referiu a meio da última semana, Bernal foi forçado a abdicar dos campeonatos nacionais do seu país, que decorreram nos dias seguintes e terminaram com a prova de fundo no domingo, com vitória de Esteban Chaves (EF Education-EasyPost), após Miguel Ángel López (Medellín-EPM) ter vencido o contrarrelógio.

Através das suas redes sociais, o próprio Bernal deu a conhecer o seu estado clínico. “Os campeonatos nacionais foram tão emocionantes! Gostaria de dar os parabéns ao Esteban [Chaves] pela vitória, assim como ao Daniel [Martínez] e ao Nairo [Quintana] que ficaram no pódio. Ainda estou a recuperar de uma lesão no joelho e espero voltar a correr em breve”, declarou o corredor de 26 anos, sem avançar mais informações.

Refira-se que o diretor desportivo da INEOS Grenadiers, Steve Cummings, abordou recentemente os planos da equipa britânica para a temporada, incluindo Egan Bernal. O responsável referiu-se à liderança na Volta a França. “A temporada é longa e muitas coisas podem acontecer, mas Egan Bernal, Daniel Martínez e Carlos Rodríguez estão, no papel, como líderes”, explicou à CyclingWeekly.

PUB
Prototype

“Ainda não reunimos o resto da equipa. No entanto, ainda é muito cedo para explanar totalmente os nossos planos. Em maio saberemos mais e poderemos, então, dizer quais os corredores que irão ser protegidos no Tour”, disse.

“Não vamos avançar agora que faremos o Tour com três líderes e revelar a nossa estratégia. Temos tantos bons ciclistas que é difícil escolher. Com os dados e o desempenho que eles fornecem, simplesmente não é possível saber já”, acrescentou Steve Cummings, que falou ainda sobre o regresso à competição de Bernal.

“Egan está em fase de recuperação e ainda tem consultas médicas. Temos de olhar com cuidado o que fazemos com ele”, esclareceu.

Também vais querer ler…

Tadej Pogacar começa temporada na Europa e não vai à UAE Tour

PUB
Prototype

Fotografias: Twitter INEOS Grenadiers

Também vais gostar destes!