Tiago Ferreira continua a somar títulos. Vestido com a camisola de campeão europeu de XCM, o atleta sagrou-se campeão nacional da vertente, numa corrida que se disputou este domingo em Condeixa-a-Nova. Entre as mulheres foi Melissa Maia (Korpo Activo Penacova) a campeã, com a particularidade de no dia anterior ter vencido o título nacional de estrada.

- - - Pub - - -

Cube Stereo Hybrid HPC 160

Para o setor masculino foram 105 quilómetros de prova, durante os quais Tiago Ferreira (DMT Racing Team) confirmou todo o seu favoritismo. O corredor que mais se aproximou foi José Dias, companheiro de equipa do viseense. O minhoto gastou mais 4:32 minutos do que o campeão nacional. Bruno Sancho (Korpo Activo/Penacova) fechou o pódio, a 4:46.

Nunca é de mais recordar que Tiago Ferreira conta com dois títulos europeus e um mundial em XCM. E recentemente foi o autor de um recorde mundial e na mais recente edição da revista GoRide conversou connosco sobre essa aventura e não só. Podes ler aqui.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

Melissa Maia teve pela frente 70 quilómetros e deixou a segunda classificada, Ilda Pereira (Casa Myzé Team), a 1:50 minutos. Os anos passam, mas a veterana Celina Carpinteiro (BTT Loulé/Elevis) continua a conquistar medalhas e foi terceira, a 5:46.

Além da elite masculina, também as categorias mais jovens dos masters correram o percurso mais longo. Ganharam o master 30 Bruno Anselmo (Saertex Portugal/Edaetech), o master 35 José Lourenço (SPAC BTT), o master 40 Nuno Inácio e o master 45 António Marques (BTT Seia).

As masters femininas e os masters com mais de 50 anos completaram a maratona de 70 quilómetros, destacando-se a master 30 Nádia Mendes (Clube BTT Águeda/Fundiven), a master 40 Raquel Marques (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde), a master 50 Natália Mendes (Freebike Shop/Bike Clube S. Brás), o master 50 José Rosa (Ser e Parecer Pro Bike Team), o master 55 Fernando Gonçalves (CTM Vila Pouca/CEPSA Casa Lima Chaves), o master 60 Abílio Moreira (Clube BTT Águeda/Fundiven) e o paraciclista de classe D Tiago Craveiro.

Os paraciclistas de classe C completaram 35 quilómetros e o mais rápido foi Gil Pereira (Batotas/Ponte de Lima).

GoRide

Subscreve a Newsletter GoRide!

Todos os artigos diretamente no teu email.