O que é inovador, diferente, e ao mesmo tempo capaz de criar habituação, só pode ser bom, certo? Acreditamos que assim é com este sistema de transmissão Classified Powershift que a Bicimax, empresa distribuidora destes produtos em Portugal, nos emprestou para teste.

PUB
Specialized Levo

O sistema chegou-nos então muito bem instalado na bela Cervelo Caledonia que podem ver nas imagens e no vídeo acima. E ainda bem, pois a vontade de “bater” uns bons kms para experimentar a transmissão dobrou. Foi o que fizemos. E a verdade é que a habituação chegou rápido…

Este kit de transmissão é diferente daquilo que normalmente encontramos em qualquer bicicleta dos dias que correm. Não podemos dizer que seja melhor, nem que seja pior, mas é certo que se trata de um sistema inovador do ponto de vista tecnológico e muito, muito funcional.

Basicamente, o Powershift é um conjunto que dispensa o desviador da frente numa bicicleta de estrada ou gravel, por exemplo, mas sem perdermos o número de mudanças a que estamos habituados. Neste caso, 24.

Há apenas um prato no pedaleiro, mas aquilo que parece um simples cubo traseiro tem no interior um complexo sistema de engrenagens integradas que produzem uma desmultiplicação múltipla.

PUB
Prototype

Há comunicação via Bluetooth através de um pequeníssimo botão integrado no guiador do lado esquerdo, que é acionado pelo dedo polegar, e isto permite-nos ter os mesmos andamentos que um sistema 50-34, por exemplo…

Na prática, esta Cervelo Caledonia está equipada apenas com um prato no eixo pedaleiro e tem o sistema Classified Powershift na roda traseira. Ou melhor, um conjunto completo da marca, visto que que a cassete é também uma Classified.

Lembramos, aliás, que ao adotarmos este sistema temos obrigatoriamente de instalar uma cassete da marca, dada a especificidade do cubo. O conjunto de rodas é que pode ser de outra marca.

PUB
Giant TCR 2024
Classified POWERSHIFT: how does it work?

Ao premirmos o botão que está no guiador, à esquerda, e que já referimos, alternamos entre a coroa grande e a coroa pequena que estão dentro do cubo. É como mudar entre mudanças “altas” e “baixas”, por exemplo, ou como… trocar do prato grande para o mais pequeno, e vice versa, recorrendo a um desviador frontal, no pedaleiro.

Mas o desviador não está lá e há apenas um prato. Depois as relações dependem da cassete que escolhermos, sendo que nestes componentes exclusivos da marca existem as opções 11-27, 11-30, 11-32 e 11-34.

O que acontece no interior do cubo é que este muda o rácio de relações de 1:1 para 0.7, o que faz com que haja uma desmultiplicação na cassete em que cada carreto exerce força diferente no eixo.

Tecnicamente complexo, mas o que interessa ao ciclista é que tudo se passa sem falhas, sem ruído extra, sem qualquer delay que tivéssemos notado, e em carga, sem problemas. E as baterias estão preparadas para durar um ano.

PUB
KTM E-Bikes BTT

Ao longo de algumas centenas de kms, tanto a subir como a descer, a suavidade com que estas alternâncias de relações acontecem é impressionante, tal como a rapidez com que trocamos de mudança. Surpreendente porque funciona bem, intrigante porque não sabemos ao certo como este mecanismo funciona dentro do cubo…

Fala-se de transições a rondar os 150 milisegundos de velocidade, em teoria, em situações de “carga” até 1.000 watts sem problemas, e com resistência à chuva e aos salpicos a 100%, naturalmente.

E não se pense que o peso aumenta, pelo contrário. Registámos na nossa balança aproximadamente 1.900 gramas, sendo que a Classified afirma que seu cubo traseiro pesa 495 gramas, que é o dobro do peso dos cubos mais leves do mercado.

Depois, sentimos que o mais recomendável seja o uso de um prato de pelo menos 40 dentes, e com uma cassete de 11 ou 12 velocidades, da  11-28 à 11-34, consoante as nossas necessidades.

Quanto a manutenção, o que é referido é que é a normal de uma cassete, de um eixo, de um cepo, tudo componentes que se vão desgastando, como sabemos.

Imagem Classified

Este sistema pode ser comprado juntamente com um par de rodas da Classified ou sob a forma de um kit que pode ser montado como upgrade numa bicicleta já existente.

Imagem Classified

Bicicleta de estrada ou gravel, para já, porque para BTTs e urbanas ainda não está disponível… Mas é sempre bom verificar antes na loja se o Powershift é compatível com a bicicleta de destino.

Imagem Classified

Os preços deste sistema Powershift começam nos 1.299 euros e incluem tudo o que é preciso de base, cassete também, mas sem rodas, cranques, prato pedaleiro.

André Greipel reviews the Classified Powershift system

Um upgrade um pouco caro demais, ainda, apesar de a Classified garantir que traz grandes vantagens a nível de aerodinâmica, fiabilidade de transmissão e leveza. Por nós está aprovadíssimo!

Site oficial:

Distribuição em Portugal:

Neste teste:

  • Texto, fotos e vídeo: Nuno Margaça e Jorge D. Lopes

Também vais querer ler…

Classified Powershift: sem desviador frontal, apenas um prato, mas desempenho de…

Bicimax é o novo distribuidor ibérico da Classified

Também vais gostar destes!