Simon Yates (Bike Exchange) demonstrou excelente forma física a menos de um mês do início do Giro de Itália, em que participará com pretensões de vencer, ao triunfar na 2.ª etapa do Tour dos Alpes, ligação montanhosa a Feichten im Kaunertal, no sul da Áustria.

PUB
Cube Stereo ONE

O britânico atacou na subida final de Piller Sattel, distanciando os também favoritos à vitória Pavel Sivakov (Ineos Grenadiers), Nairo Quintana (Arkea-Samsic) e Hugh Carthy (EF Education-Nippo). Yates abriu uma diferença de 30 segundos nos dois quilómetros finais da subida e reforço-a na descida e na ligação em terreno plano até à meta. Com isso, assumiu a liderança da corrida.

Sivakov tentou limitar as perdas, mas terminou 41 segundos atrás de Yates. Dan Martin (Israel Start-Up Nation) superou Aleksandr Vlasov (Astana) para terminar em terceiro, ambos a 58 segundos do vencedor.

Graças a bonificação de tempo, Simon Yates lidera a classificação geral com 45 segundos de vantagem sobre Pavel Sivakov e 1.04 minutos de Dan Martin. “Tentei muito, foi uma subida muito difícil, estes adversários não são fáceis de deixar para trás”, afirmou Yates. “Eu tentei várias vezes, e isso esgotou-me no vale para a meta. É um bom dia para nós, a minha primeira vitória do ano, por isso estou feliz”, acrescentou o britânico.

PUB
Orbea Genius Dealers

“Ainda há muitas etapas difíceis pela frente. Veremos o que podemos fazer nos próximos dias”, concluiu Yates.

O português Rúben Guerreiro (EF Education-Nippo) ficou numa excelente 10.ª posição na etapa, a 1.42 minutos de Yates e ocupa o 9.º lugar da geral, a 1.52 m do britânico, líder da corrida.

A etapa 3 tem mais de 161 km e inclui três grandes escaladas antes de uma seção final rápida até à meta. Será um dia de muito trabalho para a equipa Bike Exchange para defender a camisola verde de líder de Simon Yates.

PUB
Giant Trance X Advanced E+ Elite

Também vais gostar destes!