A nova transmissão Sram X0 AXS recém-lançada é para um tipo de utilização um pouco mais “arrojado”, pois foi desenhada para bicicletas que andam em ambientes mais trail e de enduro, competição incluída. É por isso que todo o design dos componentes neste conjunto se mostra mais robusto e pesado que as restantes opções na gama.

PUB
Orbea Genius Dealers

Tal como no grupo Sram XX SL AXS que já vimos, é o desviador que mais se destaca como novidade, desenhado para uma instalação direta no quadro, sem dropout. Este está incorporado no próprio desviador, e isto aumenta a rigidez, reduz a desafinação e impede que se parta facilmente.

E falamos por experiência própria, pois já tivemos oportundiade de ver de perto e experimentar dois destes novos desviadores. Este modelo de desviador X0 é mais pesado que o XX SL: 466 gramas (face aos 440 do XX SL), e isto já a contar com a bateria em ambos os casos. O preço é de 600 euros, quando comprado em separado. Nota: a roldana inferior com tecnologia Magic Wheel não está presente neste modelo…

Depois, a cassete, que é a XG1295. Aspeto imponente, sendo que também aqui houve alterações. Mantêm-se a relação 10-52t, mas ajustou-se o escalonamento dos três carretos maiores, tal como na cassete XG1299: 10, 12, 14, 16, 18, 21, 24, 28, 32, 38, 44 e 52. O peso declarado é de 385 gramas e a construção deste componente é robusta ao ponto de ser usada em e-bikes de BTT. Custa 480 euros quando comprada em separado.

Mais à frente, há três sets de cranques disponíveis, um para e-BTT (o conjunto x0 PA D1) e outros dois a diferenciarem apenas pela presença ou não de potenciómetro (os conjuntos X0 P D1 e X0 D1, respetivamente. Construção em alumínio.

PUB
TrekFest 2024

Sram X0 D1

Sram X0 P D1

Já os pratos do pedaleiro são do tipo direct mount, com versões disponíveis para e-BTT em geral (com parafusos, sob a forma de “aranha”) e outros próprios para sistemas de motorização elétrica Bosch. Nota: estes pratos contam com uma proteção exterior que servem para prevenir impacto, mas que também servem como guia de corrente.

Conjunto completo Sram X0 para e-BTT.

O conjunto mais simplesm, sem potenciómetro (X0 D1), pesa 685 gramas (prato 32t, comprimento de 170 mm e eixo DUB). Preço de 360 euros. Por sua vez, os cranques com potenciómetro são mais caros, custam 480 euros. Características do potenciómetro: a pilha usada para alimentação é uma AAA (400 horas de uso, à partida) e a medição de potência tem uma margem de erro de +-3%.

PUB
Orbea Genius Dealers

O manípulo de mudanças no guiador é o mesmo que está no conjunto Sram XX SL, é o AXS POD Controller, enquanto a corrente também sofre ajustes. Tem design flattop, com a parte superior completamente plana; segundo a marca, isto torna a corrente mais resistente, a mais robusta da marca até hoje. Preço de 120 euros e peso de 256 gramas (modelo 112).

Por fim, o preço total do conjunto. Quem quiser montar na sua bicicleta de trail, enduro ou e-BTT o grupo completo Sram X0 terá de desembolsar um valor entre os 1.370 e os 1.900 euros.

Mais info:

Lê também:

Nova transmissão Sram XX e X0 ao pormenor – Parte I: o grupo XX SL AXS [com vídeo]

Eis os novos conjuntos de travões e transmissão Sram para BTT, finalmente! [com vídeo]

PUB
Giant TCR 2024

Também vais gostar destes!