Dois talentos do ciclismo feminino português vão juntar-se para uma aventura na Estrada Nacional 2, sendo também os rostos de uma causa. Maria Martins e Raquel Queirós querem incentivar o uso da bicicleta, seja em competição, lazer, turismo, ou para uma mobilidade ativa.

As duas ciclistas vão percorrer os 715,9 quilómetros da icónica estrada, que liga o norte ao sul do país. A odisseia começa esta quarta-feira, em Chaves, terminando no domingo, em Faro.

Estamos perante duas atletas que vão escrevendo história na evolução do ciclismo feminino no país. Maria Martins, que está perto de celebrar 21 anos, foi a primeira a alcançar um apuramento completamente inédito em Portugal: vai estar presente na pista (na prova de omnium) nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Quanto a Raquel Queirós (20 anos), tem demonstrado ser uma polivalente, pois tanto mostra potencial na estrada (foi segunda nos Nacionais em 2019), como está perto de garantir um bilhete para Tóquio no BTT. Se o conseguir, será a primeira entre as mulheres em Portugal.

Os Jogos Olímpicos foram adiados para 2021 e, tal como tantas outras competições, as que faltavam de apuramento no BTT foram adiadas.

“Esta viagem mostra a riqueza e multiplicidade do ciclismo, que abrange a atividade desportiva – competitiva e não competitiva -, o turismo e a descoberta dos territórios, a mobilidade, a capacidade de unir o Norte e o Sul, o interior e o litoral, sempre numa perspetiva solidária”, afirmou Delmino Pereira.

O presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo considera que esta iniciativa também “serve de montra do novo ciclismo: uma corredora que tem brilhado na pista e outra que dá cartas no BTT, ambas jovens, fazem-se à estrada, mostrando a força do ciclismo feminino, numa viagem de interesse turístico que também ajuda na preparação desportiva das duas”.

O percurso

O percurso será divido em cinco etapas, com início às 10 horas. O arranque será no marco do Km 0 da Estrada Nacional 2, em Chaves. Aqui fica o programa:

24 de junho: Chaves – Castro Daire, 134,4 km
25 de junho: Castro Daire – Góis, 133,7 km
26 de junho: Góis – Ponte de Sor, 148,5 km
27 de junho: Ponte de Sor – Aljustrel, 182,1 km
28 de junho: Aljustrel – Faro, 117,2 km

Será possível acompanhar a aventura de Maria Martins e Raquel Queirós através das redes sociais da Federação Portuguesa de Ciclismo.