Joshua Tarling afirmou estar satisfeito por vestir a camisola amarela n’O Gran Camiño, apesar de os tempos marcados no contrarrelógio da primeira etapa, na quinta-feira, não contarem para a geral, mas diz que uma vitória é sempre uma vitória…

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

“Estou superfeliz, é bom começar a época com uma vitória. Uma vitória é sempre uma vitória”, resumiu o jovem britânico da INEOS Grenadiers.

O campeão europeu de contrarrelógio foi o mais rápido nos 14,8 quilómetros, mas as diferenças que estabeleceu (42 segundo para o mais direto rival) não contam para a geral, após decisão da organização e das equipas, devido ao forte vento que se fazia sentir na Corunha.

“Foi a decisão certa. Estava realmente muito, muito vento, e a segurança tinha de estar primeiro hoje. Teria sido bom [que o contrarrelógio tivesse contado], porque tinha uma bicicleta nova para isto e teria sido bom mostrá-la”, brincou.

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Apesar de liderar O Gran Camiño, o corredor de 20 anos sabe que “esta corrida será ganha nas montanhas. Mas ainda é bom vestir a camisola por um dia”, disse.

Além dos Jogos Olímpicos, Joshua Tarling tem como objetivos esta temporada as clássicas de pavé, nomeadamente a E3, a Gent-Wevelgem e a Paris-Roubaix.

“Para ser sincero, estou ansioso por qualquer corrida, porque, sendo tão novo, o meu propósito é aprender e progredir”, concluiu o primeiro líder da terceira edição d’O Gran Camiño.


Créditos da imagem: Ineos Grenadiers Twitter – https://twitter.com/INEOSGrenadiers/status/1760693021857972614/photo/2

PUB
Cube Stereo ONE

Também vais gostar destes!