A equipa portuguesa profissional de ciclismo Glassdrive / Q8 / Anicolor contratou James Whelan como reforço para esta temporada de 2023, um ciclista ex-World Tour que correu cinco anos na EF Education-Easy Post.

PUB
Nova Mondraker Dune

James Whelan chega agora a Portugal para integrar a equipa sediada em Águeda. Trata-se de um trepador puro e com um palmarés que revela níveis de experiência que podem ser bastante úteis nas estradas e provas portuguesas.

Com 26 anos, o atleta australiano passou pela EF Education-Easy Post e, em 2022, pela equipa australiana BridgeLane. Mostra grande capacidade em montanha, mas também dá garantias no contrarrelógio; contudo, integra a equipa lusa com foco nos objetivos coletivos.

Pelas palavras do diretor desportivo da equipa, Rubén Pereira, James Whelan “é um jovem que apresenta bastante margem de evolução e a sua vinda para o ciclismo português, país onde está a correr pela primeira vez, pode relançar a sua carreira para voltar a um grande nível enquanto ciclista”. Este é também um “trunfo” que a equipa manteve em segredo.

Jimmy Whelan já foi medalha de prata nos campeonatos nacionais da Austrália em sub-23, no mesmo ano em que venceu a Ronde Van Vlaanderen. O ano passado venceu novamente a medalha de prata nos nacionais de elite e ainda a primeira etapa do Tour Down Under, chegando mesmo a vencer a geral da conhecida prova australiana.

“Estou muito grato por estar de volta às corridas Pro com a Glassdrive / Q8 / Anicolor. Será realmente emocionante correr num ambiente novo, com uma equipa europeia apaixonada e bem-sucedida. Tenho alguns assuntos que deixei em aberto no ciclismo profissional e mal posso esperar para alcançar grandes resultados com a Glassdrive / Q8 / Anicolor”, declara.

PUB
KTM E-Bikes BTT

“As estradas com montanha de Portugal e Espanha encaixam bem nas minhas características e estes percursos vão proporcionar uma oportunidade emocionante para promover a minha carreira como corredor profissional”, refere James Whelan em comunicado da equipa.

Ruben Pereira não descarta ainda hipótese do atleta australiano se assumir como líder em alguns momentos da temporada, dada a sua qualidade e experiência World Tour: “Jimmy Whelan é um corredor jovem e que esteve durante cinco anos a correr no escalão World Tour. É um trepador por natureza e como tem experiência no pelotão internacional pode também acrescentar muito à nossa equipa. Poderá ter um papel bastante importante na ajuda aos nossos líderes”, explica.

Mais info:

Lê também:

Canyon Ultimate CF SLX: Glassdrive-Q8-Anicolor mudou de bicicleta em 2023

Imagens: Glassdrive Q8 Anicolor / Ef Education-Easy Post

PUB
Nova Mondraker Dune

Também vais gostar destes!