Foi um pelotão consideravelmente mais magro que partiu ontem para a 5.ª etapa da Volta a Itália de sub-23, também conhecida como Giro Nex Gen…

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

O comissariado da prova em que participa o português António Morgado (Hagens Berman Axeon), o norueguês da Jumbo-Visma Development Team Johannes Staune-Mittet, tomou a decisão de desclassificar 24 corredores na sequência do sucedido na etapa 4, que terminou no Passo del Stelvio, o gigante dos Alpes, com 21,7 km a 7,1% de inclinação média.

O motivo não dignifica os infratores? Os jovens ciclistas visados fizeram grande parte da ascensão agarrados ostensivamente a carros e motos, incluindo viaturas das autoridades policiais. Cenas filmadas por vários espetadores provocaram a ira dos comissários, que decidiram desqualificar todos os culpados.

PUB
Orbea Genius Dealers

Entre eles encontramos o estoniano Frank Aron Ragilo (Development Team DSM), o britânico Noah Hobbs (La Conti Groupama-FDJ), o belga Tijl De Decker (Lotto Dstny Development Team) – vencedor do Paris-Roubaix Sub-23 há um mês e meio – e o norueguês Simen Evertsen Hegreberg (Tirol KTM Cycling Team).

Todos os corredores também foram multados em 100 francos suíços e sofreram 25 pontos de penalização no ranking da UCI. Além disso, quatro diretores desportivos foram demitidos das respetivas equipas.

Mas não foi tudo, já que outros sete corredores – entre eles o americano Artem Shmidt (Hagens Berman Axeon), o lituano Aivaras Mikutis (Tudor Pro Cycling Team U23) e o italiano Davide Persico (Team Colpack Ballan) – foram eliminados da prova também na manhã de ontem (antes do início da 5.ª etapa) após os comissários voltarem a visualizar as imagens.

PUB
Cube Stereo ONE

E são assim 31 participantes que terminam mais cedo o seu Giro Nex Gen!

Lê também:

Giro Next Gen: António Morgado a mais de 18 minutos da ‘rosa’

Imagens: Eurosport e Giro Next Gen Twitter

Também vais gostar destes!