A união entre a marca Cérvelo e a equipa Jumbo-Visma tem sido profícua. Principalmente na estrada, é certo, mas sem esquecer o ciclocrosse e até o gravel, já. Porém, “empurrada” pela equipa neerlandesa, eis que a Cérvelo se prepara agora para entrar no XCO. Como? Com uma nova bicicleta, a Cérvelo ZHT-5…

PUB
Cube Stereo Hybrid HPC 160

A marca revela que a Jumbo-Visma quis entrar nesta vertente do BTT a eis que surge a Cérvelo ZHT-5, “a BTT digna do nome Cérvelo“, como é referido na descrição.

O objetivo é “armar” o atleta Milan Vader com uma bicicleta competitiva, agora que o neerlandês está de regresso à competição e vai apostar na temporada forte de XCO em 2023.

O ciclista de 26 anos sofreu uma queda grave na Volta ao País Basco em abril. Regressou à estrada recentemente, na Volta à Croácia, e a Cérvelo quer estar com o corredor da Jumbo-Visma, um especialista em BTT que conta já com cinco títulos nacionais.

A estreia será em maio do próximo ano, em Valkenburg, primeira ronda da UCI World Cup. A marca salienta precisamente como cada vez mais os profissionais de estrada não ficam “presos” a uma só vertente, exemplificando a aposta na R5-CX no ciclocrosse e da Áspero no gravel.

PUB
Polisport MudPro

“Para celebrar o regresso heroico do Milan [Vader], estamos orgulhosos por oferecer uma quantidade limitada da a Cérvelo ZHT-5 antes da temporada de 2023 arrancar”, salienta o fabricante. Mais informações nos links em baixo.

Quanto à bicicleta, a marca refere como quis torná-la o mais eficiente possível. O quadro pesa 907 gramas, no tamanho M, com a Cérvelo a referir a experiência de décadas que tem em criar bicicletas para os sprinters, o que significa que sabe bem o que é preciso ter em termos de rigidez, mas também a pensar que a bicicleta tem de ser rápida.

Através do link abaixo podes consultar as listas de especificações de todas as versões desta primeira bicicleta de BTT da Cérvelo, bem como ver muitas imagens.

Destacamos o que a marca também destaca em relação ao quadro e à geometria: o ângulo de direção anda pelos 69 graus, com um reach de 457 mm (no tamanho de quadro L) e escoras relativamente curtas, com 430 mm. Isto pode significar uma bicicleta muito reativa, até porque se trata de uma hardtail pensada para a competição aos mais alto nível.

Mais info:

Também vais querer ler…

Nova Cervélo S5, a bicicleta vencedora do Tour de France 2022 [com vídeos]

Fotografias: Cérvelo

PUB
Distribuidores Orbea

Estás a gostar do GoRide.pt?

Então subscreve a Newsletter GoRide.pt clicando/tocando na imagem abaixo!

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

    Também vais gostar destes!

    Mais em Bikes