Julian Alaphilippe (Soudal-QuickStep) venceu a clássica Faun-Ardèche, ao bater o compatriota David Gaudu (Groupama-FDJ), segundo classificado.

PUB
TrekFest 2024

Rui Costa prossegue o bom ano de estreia na Intermarché-Circus-Wanty, ao terminar em nono, a 54 segundos do vencedor.

Alaphilippe, de 30 anos, impôs-se sobre a meta a Gaudu, enquanto o dinamarquês Mattias Skjelmose (Trek-Segafredo) foi terceiro, a 31 segundos.

O francês bicampeão do mundo de fundo em 2020 e 2021 viveu um ano complicado em 2022, com apenas duas vitórias, motivando críticas do diretor da equipa belga, Patrick Lefevere.

“Vencer é uma sensação de que senti muita falta. Queria voltar às vitórias, estou feliz. Trabalhei muito nas últimas semanas para estar em boas condições. Este resultado valida todo o trabalho e não vejo a hora de continuar a ganhar. Ainda é só o começo da temporada, há muito o que fazer, mas é um alívio”, afirmou Alaphilippe.

Atacando a 25 quilómetros da meta, na subida de Saint-Romain-de-Lerps, Alaphilippe e Gaudu decidiram o triunfo ao sprint em Guilherand-Granges. Um duelo francês favorável ao líder da Soudal Quick-Step.

PUB
Nova Trek Supercaliber

“Fiquei feliz que ele (David Gaudu) estivesse na luta. A sua equipa trabalhou muito e ele imediatamente entendeu que tínhamos de colaborar. Ele não disse nada de especial, só nos pressionámos muito até o sprint para ver se algum cedia, mas não”, revelou Alaphilippe.

Classificações:

Imagens: Soudal Quick-Step Twitter

Também vais gostar destes!