Tal como na véspera, com a vitória de Paul Magnier (Soudal Quick-Step), os organizadores da Volta a Omã encurtaram a quarta etapa devido às condições meteorológicas, o que não impediu que os corredores proporcionassem outro belo final, que terminou com a vitória de Amaury Capiot!

PUB
Giant TCR 2024

O belga da Arkéa-B&B Hotels venceu, num sprint em pequeno grupo, à frente de Ide Schelling (Astana Qazaqstan) e Davide De Pretto (Jayco AlUla).

Emanuel Buchmann (BORA-hansgrohe) e Adam Yates (UAE Emirates) partiram para a ofensiva nos últimos quilómetros, montanhosos, mas as subidas não foram suficientemente difíceis para criarem diferenças para os demais.

No final das contas, a vitória foi decidida em um grupo de cerca de cinquenta corredores, e aí Amaury Capiot (Arkéa-B&B Hotels) foi o mais rápido, à frente de Ide Schelling (Astana Qazaqstan) e Davide De Pretto (Jayco AlUla).

Graças às bonificações conquistadas durante a etapa, Finn Fisher-Black (UAE Team Emirates) assume a liderança na classificação geral. Luke Lamperti (Soudal Quick-Step), o ex-líder, está a 3 segundos, enquanto Diego Ulissi (UAE Emirates) é o terceiro, a nove.

“A última temporada muito complicada, mas o passado é passado. Agora olho para frente. Comecei na Muscat Classic com um pódio (3º) que me surpreendeu. Isso deu-me confiança. Quero agradecer aos meus companheiros que fizeram um excelente trabalho por mim nesta etapa. Esta vitória também é deles. Eu sei que estava perto da linha de meta, mas quando a cruzei pensei: ’Ganhei!’. Comemorei um pouco, mas preferi esperar pelo foto-finish. Este sucesso é bom para a equipa Arkea B&B Hotels e para mim. Sei como trabalhei para voltar a este nível, posso estar orgulhoso de mim mesmo, mas acima de tudo, neste momento, estou muito feliz”, declarou Amaury Capiot.


Créditos da imagem. Tour of Oman Twitter – https://twitter.com/tourofoman/status/1757314502167572820/photo/1

PUB
KTM

Também vais gostar destes!