Primeiro problema resolvido. A Volta a França de 2021 tem novas datas e os ciclistas não vão ter de escolher entre ir ao Tour ou aos Jogos Olímpicos. As provas de fundo masculina e feminina coincidiam com o último fim de semana da grande volta (24 e 25 de julho), enquanto o contrarrelógio está marcado para a quarta-feira seguinte, o que não daria muito tempo para viajar, recuperar e adaptar-se ao fuso horário de Tóquio (mais oito horas do que em Lisboa).

A UCI anunciou o calendário para a próxima temporada e a Volta a França irá então começar uma semana mais cedo, ou seja, vai para a estrada entre 26 de junho a 18 de julho. Fica agora por resolver o segundo problema. Copenhaga era a cidade eleita para receber a partida em 2021 e já tinha dito não a uma mudança de data.

A cidade dinamarquesa é uma das que vai receber a fase final do Campeonato Europeu de Futebol que, tal como os Jogos Olímpicos, foi adiado para 2021. A nova data do Tour, coincide com as datas de final de junho do Europeu previstas para Copenhaga, o que faz com que a ASO, organizadora da corrida francesa, esteja à procura de uma alternativa.

Vuelta também antecipada

O calendário de 2021 dá aquela sensação de normalidade, depois de um 2020 marcado pela pandemia. Olha-se para as datas e, nas alturas do ano a que se está acostumado, vê-se as provas de sempre do World Tour. Ou quase. A RideLondon-Surrey Classic fica de fora.

A UCI explicou que a organização não pediu o registo da corrida, ainda que vá manter a prova feminina no principal calendário. O mesmo aconteceu com a Volta à Califórnia. Ainda antes do covid-19 obrigar a todo um novo calendário, os organizadores tinham anunciado um hiato para 2020, mas que, afinal, irá prolongar-se pelo menos até 2021.

As restantes corridas surgem quando é normal, apesar da Volta a Espanha ser também ela antecipada uma semana (de 14 de Agosto a 5 de Setembro). O organismo justifica a mudança como uma forma que permite “uma melhor transição entre a Vuelta, os Campeonatos Europeus (anunciados para o fim-de-semana de 11 e 12 de Setembro) e os Campeonatos do Mundo”.

O calendário dos restantes escalões será discutido em setembro, durante os Mundiais de Aigle-Martigny, na Suíça.

Fica a conhecer quando se vão realizar as corridas em 2021.

Calendário masculino:

19-24 de janeiro: Santos Tour Down Under (Austrália)
31 de janeiro: Cadel Evans Great Ocean Road Race (Austrália)
21 a 27 de fevereiro: Volta aos Emirados Árabes Unidos
27 de fevereiro: Omloop Het Nieuwsblad (Bélgica)
6 de março: Strade Bianche (Itália)
7 a 14 de março: Paris-Nice (França)
10 a 16 de março: Tirreno-Adriatico (Itália)
20 de março: Milano-Sanremo (Itália)
22 a 28 de março: Volta à Catalunha (Espanha)
24 de março: AG Driedaagse Brugge-De Panne (Bélgica)
26 de março: E3 BinckBank Classic (Bélgica)
28 de março: Gent-Wevelgem (Bélgica)
31 de março: Através da Flandres (Bélgica)
4 de abril: Volta a Flandres (Bélgica)
5 a 10 de abril: Volta ao País Basco (Espanha)
11 de abril: Paris-Roubaix (França)
18 de abril: Amstel Gold Race (Países Baixos)
21 de abril: Flèche Wallonne (Bélgica)
25 de abril: Liège-Bastogne-Liège (Bélgica)
27 de abril-2 Maio: Volta à Romandia (Suíça)
1 de maio: Eschborn-Frankfurt (Alemanha)
8 a 30 de maio: Volta a Itália
30 de maio a 6 de junho: Critérium du Dauphiné (França)
6 a 13 de junho: Volta à Suíça
26 de junho a 18 de Julho: Volta a França
31 de julho: Clássica de San Sebastian (Espanha)
9 a 15 de agosto: Volta à Polónia
14 de agosto a 5 de Setembro: Volta à Espanha
15 de agosto: EuroEyes Cyclassics Hamburg (Alemanha)
22 de agosto: Bretagne Classic – Ouest-France (França)
30 de agosto a 5 de Setembro: BinckBank Tour
10 de setembro: Grande Prémio do Quebeque (Canadá)
12 de setembro: Grande Prémio de Montréal (Canadá)
9 de outubro: Il Lombardia (Itália)
14 a 19 de outubro: Volta a Guangxi (China)

Calendário feminino:

30 de janeiro: Cadel Evans Great Ocean Road Race (Austrália)
6 de março: Strade Bianche (Itália)
14 de março: Ronde van Drenthe (Países Baixos)
21 de março: Trofeo Alfredo Binda-Comune di Cittiglio (Itália)
25 de março: AG Driedaagse Brugge-De Panne (Bélgica)
28 de março: Gent-Wevelgem (Bélgica)
4 de abril: Volta a Flandres (Bélgica)
11 de abril: Paris-Roubaix (França)
18 de abril: Amstel Gold Race (Países Baixos)
21 de abril: Flèche Wallonne (Bélgica)
25 de abril: Liège-Bastogne-Liège (Bélgica)
6 a 8 de maio: Volta à Ilha Chongming (China)
14 a 16 de maio: Volta ao País Basco (Espanha)
20 a 23 de maio: Volta a Burgos (Espanha)
30 de maio: Clássica RideLondon (Grã-Bretanha)
7 a 12 de junho: Volta à Grã-Bretanha
2 a 11 de julho: Volta a Itália
18 de julho: La Course by Le Tour de France (França)
7 de agosto: Postnord UCI WWT Vårgårda West Sweden TTT (Suécia)
8 de agosto: Postnord UCI WWT Vårgårda West Sweden RR (Suécia)
12 a 15 de agosto: Volta à Noruega
21 de agosto: GP de Plouay-Lorient-Agglomération Trophée Ceratizit (França)
24 a 29 de agosto: Boels Ladies Tour (Países Baixos)
3 a 5 de setembro: Ceratizit Madrid Challenge by La Vuelta (Espanha)
19 de outubro: Volta a Guangxi (China)