O Tour 2023 chega ao fim com a etapa que termina nos Campos Elísios e é a consagração para os vencedores das várias classificações. E Jordi Meeus (Bora-Hansgrohe) estreou-se a vencer no World Tour hoje, em Paris.

PUB
Specialized Levo

Como é tradição, as cerimónias e o champanhe tomaram conta de grande parte dos 115 km da etapa, com as várias equipas e atletas a celebrarem as suas vitórias nesta edição 110 da Volta a França.

PUB
TrekFest 2024

Mas, não fosse a presença do irreverente camisola branca, Tadej Pogacar (UAE Emirates), e a corrida teria sido mais aborrecida… O esloveno ataca o pelotão a 50 kms do fim e leva consigo Nathan van Hooydonck (Jumbo-Visma). A animação estava garantida pelo segundo classificado à geral, que ainda se viu envolvido em mais cenários de corrida, incluindo a liderança do pelotão no último km do dia.

As equipas dos sprinters rapidamente se organizaram, contudo a vontade de Pogacar inspirou outros tantos, que também começaram a trazer mais dinamismo, com várias tentativas de fuga a tomarem lugar nas longas retas do traçado.

No fim, tudo se resumiu ao sprint. Tadej Pogacar entra a liderar o pelotão no último km, antes de abrir e deixar a Alpecin assumir as rédeas do grupo com Philipsen a liderar até à meta. O sprint discutiu-se entre quatro corredores, mas Philipsen e Meeus foram os mais fortes. Com as forças à justa, foi imperceptível perceber quem tinha vencido a mítica última etapa do Tour.

Após visualizarem as imagens, os comissários atribuíram a vitória a Jordi Meeus! O corredor tem aqui uma bela conquista para o seu palmarés e entrega à Bora a sua segunda vitória no Tour 2023, que já havia vencido com Jay Hindley.

PUB
KTM

Na classificação geral, Jonas Vingegaard é o grande vencedor da 110ª edição da Volta a França, a segunda consecutiva do dinamarquês. Tadej Pogacar é segundo na geral, a 7m29s, e Adam Yates fecha o pódio, a 10m56s.

Nas restantes classificações: Pogacar vence a camisola da juventude; Giulio Giccone (Lidl-Trek) ganha a camisola da montanha, e Jasper Philipsen, com quatro etapas ganhas, vence a camisola verde.

Mais info:

Lê também:

Tour 2023 – 20ª etapa: Pogacar bate Vingegaard ao sprint! [com vídeo]

Imagens: Twitter Volta a França

Também vais gostar destes!