Mathieu van der Poel sagrou-se campeão do mundo de ciclocrosse no domingo. Zdenek Stybar terminou em 31º lugar, mais de sete minutos depois. Uma grande diferença, mas no final ambos subiram juntos ao pódio em Tabor. Afinal, o tricampeão mundial checo fez a última corrida da sua carreira…

PUB
TrekFest 2024

“Foi uma semana muito emotiva”, disse Zdenek Stybar ao Sporza após uma emocionante homenagem prestada pela UCI perante melhores de fãs do corredor no seu país-natal.

Depois, Stybar contou como foi a sua última corrida entre os melhores no ciclocrosse… talvez no ciclismo em geral. “Tive um furo na última volta, mas talvez deva estar grato por isso. Tive de pedalar devagar e pude desfrutar um pouco mais. Foi muito especial e muito emotivo. Agora não está muito mau, mas passei um mau bocado na última volta.”

PUB
Specialized Levo

 

“Não podia ter desejado uma despedida melhor do que a de hoje. Talvez pudesse ter corrido mais um ano, mas não podia desejar uma despedida melhor do que a de hoje.”

 

Na entrevista rápida que se seguiu, Van der Poel também disse algumas palavras simpáticas a Stybar. “Ele é um tipo muito bom. Treinei muito com ele, por isso espero que ele continue a pedalar para podermos fazer mais algumas provas juntos”, disse o campeão do mundo.


Créditos da imagem: Twitter UCI Cyclocross – https://twitter.com/UCI_CX/status/1754248462324072708/photo/4

Também vais gostar destes!