Tadej Pogacar surpreendeu no final desta 9.ª etapa, reservada a fugas, atacantes e velocistas, ao perseguir um corredor em fuga nas últimas centenas de metros, Jhonatan Narvaez (INEOS Grenadiers).

PUB
Riese & Müller Multitinker

O esloveno da UAE Emirates fez um esforço revezamento à frente do pelotão para ajudar a alcançar o equatoriano, para que o velocista da sua equipa, Juan Sebastian Molano lutasse pela vitória na etapa. Narváez foi apanhado, mas Molano não ganhou, foi apenas terceiro.

Após a tirada, Pogacar explicou a sua ação. “O final foi muito difícil. Molano fez um trabalho muito bom para estar na frente, e então tentei ajudar [a alvançar Nárvaez], mas não foi o suficiente para que ele pudesse vencer. Neste tipo de finais de etapa, com estradas más, subidas e descidas, é melhor estar na frente, e se também puder ajudar o meu amigo a vencer, melhor”, explica.

PUB
Nova Trek Supercaliber

Após nove etapas, o esloveno lidera a classificação geral, 2.40 minutos à frente de Daniel Martinez (BORA-hansgrohe). “Tenho uma boa vantagem neste primeiro dia de descanso, estava ansioso por que chegasse, para relaxar e não pensar na corrida. É bom estar em Nápoles no dia de folga, é a minha primeira vez nesta cidade. Espero desfrutar de uma boa pizza e de um bom cappuccino», finaliza Pogacar.

PUB
Prototype

Crédito da imagem: UAE Emirates Twitter – https://twitter.com/TeamEmiratesUAE/status/1789632035771896222/photo/1

Também vais gostar destes!