Remco Evenepoel regressa à competição, este domingo, no Critério do Dauphiné. O belga não corre desde a queda durante a Volta ao País Basco, na qual fraturou omoplata e clavícula, e após um longo tempo de recuperação preparará, na corrida francesa, em que se estreia, o ataque à Volta a França, onde também debutará.

PUB
Orbea Genius Dealers

“Estava ansioso por voltar às corridas. Sinto-me em boa forma depois do acidente no País Basco e totalmente recuperado lesões que sofri, mas ainda há trabalho a fazer para chegar à minha melhor estado físico”, começou por afirmar o jovem corredor da Soudal Quick-Step.

PUB
Beeq

“Estou igualmente satisfeito por estrear-me no Dauphiné, mas vou olhar pouco para a minha posição na classificação geral e mais para outras avaliações. Será, antes de mais, uma oportunidade para encontrar o ritmo da corrida e ver onde estou…”, assume Evenepoel.

O líder da Alcateia estará, no Dauphiné, acompanhado pelos seus dois tenentes na montanha, Mikel Landa – também recuperado de fratura da clavícula na Volta ao País Basco – e Ilan Van Wilder. Casper Pedersen, Gianni Moscon, Antoine Huby e James Knox completam a equipa em torno do vencedor da Volta ao Algarve deste ano.


Créditos da imagem: Credito EPA – SEBASTIEN NOGIER – Lusa

Também vais gostar destes!