Ao examinarem-se os dados de potência de uma corrida de MTB, em comparação com os registos recolhidos em provas de estrada, é importante reter que na primeira especialidade, e em especial o cross-country olímpico (XCO) outros tipos de fatores entram em jogo que consomem a energia do atleta e que não são medidos pelos potenciómetros e bandas cardíacas.

PUB
Riese & Müller Multitinker

Se na estrada praticamente a força total que o atleta exerce traduz-se em potência nos pedais, no BTT existe um desgaste significativo devido ao próprio terreno. Manter o equilíbrio em setores com raízes molhadas, escorregadias, equilibrar a bicicleta com o corpo em subidas íngremes rochosas ou transpor barreiras e degraus são ações que consomem energia não contabilizada, contribuindo para o cansaço que acaba por reduz a força para pedalar. Portanto, a comparação direta de watts entre um esforço na estrada e um esforço nos trilhos (tecnicamente exigentes) não faz sentido.

Dito isto, apresentamos os (espantosos) registos de Mathieu van der Poel nas duas primeiras provas (e únicas até ao momento) da Taça do Mundo UCI de XCO de 2021, em Albstadt (Alemanha) e Nove Mesto (República Checa).

Short Track Albstadt

Mathieu van der Poel começou a Taça do Mundo em Albstadt com uma vitória na Short Track. Estes foram os dados gerais do corredor holandês da prova curta:

  • Tempo: 20.46 minutos
  • Distância: 9,45 km
  • 174 metros de desnível
  • 413 watts de potência normalizada
  • Potência máxima de 1314 watts
  • 174 batimentos cardíacos em média
  • 190 batimentos cardíacos máximos

XCO Albstadt

PUB
Beeq

A corrida de Mathieu van der Poel no XCO de Albstadt foi marcada por uma quebra sensivelmente a meio da prova, que o fez atrasar praticamente para fora dos 15 primeiros.

MVDP começou a corrida ao ataque, mas após as duas primeiras voltas o holandês pagou o esforço que acabou condicionando o seu desempenho a partir de metade da distância.

  • Tempo: 1:21.43 horas
  • Distância 24,94 km
  • 1085 metros de desnível
  • 383 watts de potência normalizada
  • Potência máxima 1392 watts
  • 171 batimentos cardíacos médios
  • 186 batimentos cardíacos máximos

Short Track Nove Mesto

Em Nove Mesto, MVDP venceu novamente no Short Track, neste caso batendo Tom Pidcock no sprint final, em que durante 150 metros debitou mais de 1100 W. Estes foram os dados completos da prova:

  • Tempo: 21.17 minutos
  • Distância: 8,74 km
  • 191 metros de desnível
  • 413 watts de potência normalizada
  • Potência máxima: 1463 watts
  • 173 batimentos cardíacos médios
  • 189 batimentos cardíacos máximos

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

XCO Nove Mesto

Na corrida de Nove Mesto XCO, passou no oposto do Short Track. O circuito checo tem menos desníveis que o alemão e um traçado muito mais técnico que exige mais energia na condução. Isso reflete-se em números de potência inferiores, apesar do resultado final de Van der Poel ter sido muito melhor do que em Albstadt, ficando em segundo lugar na corrida, atrás de Tom Pidcock. Estes foram dados de MVDP:

  • Tempo: 1:17.00 horas
  • Distância: 21,94 km
  • 819 metros de desnível
  • 373 watts de potência normalizada
  • Potência máxima. 1365 watts
  • 174 batimentos cardíacos em média
  • 185 batimentos cardíacos máximos

Também vais gostar destes!