Artem Nych venceu esta sexta-feira a primeira etapa do Grande Prémio Abimota, com 163 quilómetros, entre Proença-a-Nova e o Caramulo, e é o primeiro camisola amarela da competição, que termina no domingo.

PUB
TrekFest 2024
Depois do triunfo esclarecedor no GP Beiras e Serra da Estrela, o russo da Sabgal-Anicolor impôs-se, isolado após quase cinco horas de corrida num percurso bastante duro e sob sol escaldante.
O segundo classificado, a 32 segundos, foi outro homem da equipa Continental portuguesa dirigida por Ruben Pereira, o uruguaio Mauricio Moreira. Na terceira posição, a 1.28 minutos, ficou Afonso Silva (AP Hotels & Resorts-Tavira-SC Farense).
A exigência da etapa provocou uma chegada a conta-gotas, com os primeiros sete corredores adiantados face ao primeiro pelotão, que cortou a meta 3.43 minutos depois do vencedor
Com as bonificações, Artem Nych comanda o GP Abimota com 36 segundos de vantagem sobre Mauricio Moreira e com 1.34 m sobre Afonso Silva. O russo é também o primeiro na classificação por pontos.
César Fonte comanda a geral da montanha e a equipa que representa, Rádio Popular-Paredes-Boavista, é a primeira na classificação coletiva.
O espanhol Miquel Valls (CC Loulé/Matdiver/Anastácio Mendes e Mendes) comanda três classificações: metas volantes, autarquias e bolinhas.
O melhor jovem é Viacheslav Ivanov (Efapel Cycling). O melhor das equipas de clube é Fabricio Crozzolo (Technosylva Maglia Bembibre).
A segunda etapa corre-se neste sábado, tem a extensão de 138 quilómetros e  partida e chegada em Vouzela.

Crédito da imagem: Federação Portuguesa de Ciclismo

Também vais gostar destes!