Remco Evenepoel já decidiu qual das duas grandes voltas, a Itália ou França, apostará em 2023, mas diz que, para já, não revelará a sua escolha. O belga, que está a gozar um período curto de férias, obviamente acompanhou a apresentação do percurso do Giro, na última segunda-feira em Milão, e garante que tem a decisão tomada, embora faça esperar…

PUB
Cube Stereo ONE

“Giro de Itália ou Tour de França? Já escolhi, mas só vou revelar em janeiro. Posso dizer, desde já, que gostaria de correr a Milão-Sanremo”, afirmou Remco Evevenepoel, que obteve 15 vitórias em 2022, incluindo a Liège-Bastogne-Liège, a Clássica San Sebastian, a Volta a Espanha e o Mundial de Fundo, título que a Bélgica perseguia desde 2012.

As distinções ao jovem corredor da Quick-Step multiplicam-se. Uma semana depois de receber o prémio de Ciclista do Ano na Bélgica (Kristallen Fiets, a Bicicleta de Cristal), Remco foi nomeado ‘Flandrien of the Year’, um dos troféus individuais de maior prestígio no ciclismo.

Evenepoel, de 22 anos, é o quarto corredor da Quick-Step a conquistar o prémio ‘Flandrien of the Year’, depois de Paolo Bettini (2003, 2006, 2007), Tom Boonen (2004, 2005, 2012) e Yves Lampaert (2018).

“Estou de férias, mas estou muito feliz e orgulhoso por receber o meu primeiro troféu Flandrien”, refere Remco Evenepoel. “É algo especial, como toda a minha temporada, uma temporada realmente incrível que nunca esquecerei (…).

Já fiz minha escolha para 2023 [da grande volta em que participará], mas anunciaremos a decisão apenas em janeiro. Só posso dizer que estou feliz com o meu programa, que será calmo no início e depois cada vez mais intenso à medida que a temporada avança. Um pouco o oposto desta temporada. Para Milão-Sanremo? Não sei ainda, é uma opção, na verdade. Esse fim de semana ainda é incerto no meu programa, mas seria bom poder participar”, concluiu Evenepoel.

Foto principal: Remco Evenepoel Facebook

PUB
TrekFest 2024

Também vais querer ler…

João Almeida diz o que pensa do percurso do Giro 2023

Também vais gostar destes!