Julian Alaphilippe está a renascer neste Giro. O bicampeão mundial de 2020 e 21 lutou por uma oportunidade de vencer uma etapa e conseguiu-o com uma jornada épica, e já apareceu no dia seguinte em mais atividade, então em prol do velocista da sua equipa, Tim Merlier.

PUB
TrekFest 2024

O francês pode estar a fazer por merecer a convocação para o Tour, da qual estava, à partida, arredado pelo diretor geral da Soudal Quick-Step, Patrick Lefevere.

No entanto, há uma força de contraposição e não é de um qualquer… Nada menos do que o líder da formação belga para a Grande Boucle, Remco Evenepoel, que pressiona para que Alaphilippe esteja ao seu lado de 29 de junho a 21 de julho, informa o jornal L’Equipe.

Julian Alaphilippe anunciou, no início da temporada, que se estrearia na Volta a Itália e depois participaria nos Jogos Olímpicos. Este último objetivo pode, no entanto, ser alterado a pedido de Evenepoel. De resto, ainda segundo o L’Equipe, Julian Alaphilippe estará, também por vontade da jovem estrela da Soudal, entre os 12 corredores da equipa pré-selecionados para o Tour.

Em entrevista à RMC Sport antes do Giro, Julian Alaphilippe confirmou que não queria participar do Tour, mas sim em Paris-2024: “É umo objetivo participar, mas acima de tudo quero estar a 100%”. Depois da vitória na 12.ª etapa do Giro, última quinta-feira, pode ter ficado mais perto do Tour e mais longe dos Jogos na capital francesa. Resta saber a vontade do corredor.


Créditos da imagem: Giro d’Italia Twitter – https://x.com/giroditalia/status/1791397367255592977/photo/1

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Também vais gostar destes!