Mauricio Moreira (Sabgal-Anicolor) foi o vencedor da Clássica Aldeias do Xisto, após um ataque em solitário a cerca de 60 kms da meta.

PUB
TrekFest 2024

A corrida arrancou com uma fuga ao km 24, na qual constavam: Afonso Eulálio (ABTF Betão-Feirense), Samuel Blanco (AP Hotels & Resorts-Tavira-SC Farense), Luís Fernandes (Credibom-LA Alumínios-Marcos Car), Henrique Casimiro (Efapel Cycling), Frederico Figueiredo e Duarte Domingues (Sabgal-Anicolor).

imagem-clássica-aldeias-do-xisto

Com a distância controlada pelas equipas Rádio Popular-Paredes-Boavista e Aviludo-Louletano-Loulé Concelho, a corrida dirigia-se para uma nova situação. Na segunda contagem de montanha Mauricio Moreira integra um grupo de cinco corredores que conseguem fazer a ponte para os fugitivos.

Mauricio pressiona e assume a liderança da corrida, tendo ultrapassado o alto em Casal Novo com 30 segundos para o grupo perseguidor, e 1m05s para o pelotão. Daqui para a frente nunca mais foi apanhado, apenas levantando os braços na linha de meta.

Emanuel Duarte (Credibom-LA Alumínios-Marcos Car), a 2m12s. Frederico Figueiredo, um dos fugitivos iniciais, foi terceiro, a 2m16s.

PUB
Nova Trek Supercaliber

imagem-clássica-aldeias-do-xisto

“Este é um momento de viragem para mim e para a equipa. Apesar da lesão, logo que tive autorização do médico, trabalhei como nunca. Foi um trabalho solitário, procurando apurar ao máximo a forma, mesmo em dias de intempérie. Hoje, o resultado reflete todo esse esforço, embora tenha sido muito duro. Depois de atacar, parecia que os quilómetros nunca mais passavam”, descreveu Mauricio Moreira.

Além disso, a corrida também trouxe mudanças significativas na liderança da Taça de Portugal, com Fábio Costa da ABTF Betão-Feirense a assumir o comando na categoria elite e Alexandre Montez da Credibom-LA Alumínios-Marcos Car a assumir a liderança na categoria sub-23.

Mais info:


Créditos imagens: Federação Portuguesa de Ciclismo

PUB
Cube Stereo ONE

Também vais gostar destes!