A seleção portuguesa de elites participa este domingo na corrida de fundo do Campeonato da Europa de Estrada com cinco corredores: André Carvalho, Iúri Leitão, Ivo Oliveira, João Matias e Nelson Oliveira.

PUB
TrekFest 2024

O pelotão arranca de Assen às 12h15 para percorrer 115 quilómetros até ao início das seis voltas ao célebre circuito do Col du VAM, num total de 199,8 quilómetros.

“A corrida vai ser rápida desde o início e será necessária concentração ao longo de toda a prova. Acredito que as seleções com sprinters capazes de passar o topo final procurarão levar a corrida controlada, mas teremos de estar atentos porque a formação de uma fuga com elementos dessas equipas pode criar uma definição demasiado precoce”, afirma o selecionador nacional José Poeira.

Ivo Oliveira também antevê que a corrida será selecionada antes do circuito final. «Haverá muitas partes com vento lateral e estrada completamente desabrigada e o risco de qualquer equipa forte pegar aí na corrida e destruir o pelotão para que o grupo entre mais pequeno no circuito”, começa por explicar o corredor português.

“Neste circuito final há duas ou três curvas que farão a seleção e o grupo entrará completamente estirado nas subidas do percurso. A colocação vai ser importante e, principalmente, a atenção antes de chegarmos ao circuito”, considera Ivo Oliveira, que não terá a parceria do seu irmão gémeo Rui, por estar lesionado. Ausência que o selecionador lamenta.

PUB
TrekFest 2024

“É uma pena a lesão do Rui Oliveira, que poderia fazer aqui um excelente resultado. Mas temos uma equipa que também se adapta a este percurso, que tem experiência e capacidade para passar o topo. Apesar tudo o que pode suceder, o mais provável é que a discussão da corrida seja entre os sprinters que passam este género de subidas. Acredito que também podemos estar bem no final”, conclui José Poeira.

Lê também:

Sea Otter Europe já começou

Fotos Federação Portuguesa de Ciclismo

PUB
Giant TCR 2024

Também vais gostar destes!