A Canyon decidiu sugerir a todos clientes do modelo Aeroad CF SLX e CFR que deixem imediatamente de utilizar as bicicletas, na sequência da quebra de uma seção do guiador da máquina de Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix) nos quilómetros finais da corrida Le Samyn na última terça-feira.

PUB
Cofidis

A empresa alemã de venda direta pediu igualmente a todas as equipas a que fornecesse estas bicicletas que passem a utilizar “bicicletas alternativas”. “Estamos a fazer tudo o que podemos para equipar os modelos Aeroad afetados o mais rápido possível com um guiador que satisfaça as nossas exigências, e as dos nossos clientes, na qualidade e segurança máximas”, diz Armin Landgraf, diretor executivo da Canyon Bicycles.

Um comunicado de imprensa do fabricante confirmou que uma seção do guiador de Van der Poel “obviamente, partiu-se durante a corrida”. “Mathieu, felizmente, não caiu. Queremos garantir, com absoluta certeza, que ninguém sofra danos antes de apurarmos, na íntegra, a causa de raiz do problema”, acrescentou Roman Arnold, fundador da Canyon Bicycles.

(Foto Luc Claessen/Getty Images)

A Canyon Bicycles disse, ainda, que os seus técnicos dos departamentos de desenvolvimento e de controlo de qualidade começariam “imediatamente a investigar o problema relacionado aos cockpits (CP0018 e CP0015) instalados nos modelos Aeroad CF SLX e CFR atuais”.

No momento do incidente, as primeiras especulações apontaram para a uma falha no sistema retrátil do guiador da Canyon, que permite que a bicicleta seja transportada com as extremidades daquele componente rebatidas, e que também faz a regulação do guiador em largura. Todavia, verificou-se que o guiador de Van der Poel cedeu junto às manetes.

Mais info:

canyon.com

PUB
Cube Stereo Hybrid HPC 160

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

Também vais gostar destes!