As novas Specialized Epic assinalam o maior lançamento do ano da marca no segmento das bikes de suspensão total para BTT, vertente XC. E percebe-se porquê: a plataforma de suspensão Brain sofreu melhorias e ajuda a que esta seja um dos modelos de sempre da Specialized nesta categoria. Vamos conhecer mais pormenores.

- - - Pub - - -

Shimano Deore 12v

Estamos a falar de uma bicicleta assumidamente de XC, de suspensão total. “A mais rápida que existe”, pelo que indica a marca. E de uma gama que se divide em dois grupos, com quatro modelos Epic 2021 e outros quatro modelos Epic Evo 2021.

Specialized Epic

A nova Epic está focada na competição. E inclui um amortecedor Brain completamente renovado: diz a marca que se trata de uma plataforma mais firme, uma ação mais flexível nos terrenos mais acidentados e uma transição mais suave entre modos. É o “Brain mais robusto de sempre”.

Entre as Epic e também entre as Epic Pro, os amortecedores com a tecnologia Brain são complementados com suspensões frontais Rockshox SID nos modelos mais acima nas gamas ou com outras unidades da mesma marca (ou com Fox Float), dependendo do modelo.

As listas de especificações varia bastante entre todos os modelos da gama Specialized Epic, que custam entre 4.299 e 11.599 euros.

Epic Evo

Passa-se o mesmo com os modelos Epic Evo, com preços entre os 4.499 e os 11.599 euros. Trazem “a velocidade da Epic, suspensão afinada, maior curso e geometria de trail aprimorada”. E também uma geometria mais longa, baixa e relaxada, sendo que o ângulo do tubo de direção apresenta 66,5 graus e capacidade de ajustar o flip-chip.

A importância do Brain

A tecnologia Brain, na suspensão e amortecedor da Epic, sabe as diferenças entre a força da pedalada e a força de um impacto, ajustando a suspensão firme em terrenos suaves, e muda automaticamente para ativa no instante em que as coisas ficam mais complicadas, aumentando o controlo e a velocidade, diz a Specialized.

Já o quadro destas novas Specialized Epic são “o culminar de duas décadas de aperfeiçoamento, mais leves e rígidos do que nunca”. O chassis S-Works Epic em carbono FACT 12m retira mais de 100 gramas face ao seu antecessor, usando uma biela em carbono e apresenta um aumento de 15% na rigidez do triângulo traseiro.

Apontando ao desempenho máximo em XC, a geometria progressiva dos quadros inspira-se na estrutura das bikes de trail, “combinando um manuseio preciso com uma capacidade aprimorada em terrenos técnicos”. A Specialized relaxou o tubo de direção para 67,5 graus, com um offset da suspensão que foi pioneiro em 2018, aumentou o alcance, especificou os avanços e escoras inferiores mais curtos e baixou o eixo pedaleiro em 9 mm.

LÊ TAMBÉM:  Novos sapatos Specialized 2FO Roost para trail

No caso da Evo, a marca troca o Brain em favor de um amortecedor métrico com ajuste Rx. Uma biela construída propositadamente produz um rácio de alavancagem de 2.8:1 e melhora o desempenho do amortecedor traseiro com os seus 110 mm de curso. A suspensão dianteira e os seus 120 mm com válvula personalizada e ajuste Rx completam a Evo com uma suspensão equilibrada e inteligente, refere a Specialized em comunicado.

A Epic tem 100 mm de cursos nas suspensões frontal e traseira, ao passo que a Epic Evo apresenta 120 mm à frente e 110 mm atrás. Enquanto isso, em termos de pesos, há modelos entre as Epic Evo que andam pelos 13,6 kg. Em compensação, a versão S-Works da Epic chega aos 9,3 kg no tamanho L. Nada mal!

Todas as informações e especificações sobre os oito modelos da gama Specialized Epic e Epic Evo em:

GoRide

Subscreve a Newsletter GoRide!

Todos os artigos diretamente no teu email.