Julian Alaphilippe (Deceuninck-Quickstep) conquistou a sua terceira vitória na La Flèche Wallonne, com uma recuperação fantástica no decisivo e mítico Mur de Huy para primeiro alcançar e depois ultrapassar Primož Roglič (Jumbo-Visma) nos últimos 100 metros. Vitória espetacular do campeão do mundo.

PUB
Specialized Levo

O terceiro lugar foi para Alejandro Valverde (Movistar), pentavencedor da prestigiada clássica belga, que não teve capacidade para seguir Roglič e Alaphilippe.

Roglič, que fez a estreia na Flèche Wallonne, atacou com autoridade ainda a 350 metros do final do íngreme Mur de Huy, abrindo rapidamente uma vantagem que chegou a parecer suficiente para o triunfo. No entanto, Alaphilippe, mais conhecedor dos segredos da subida, esperou pelo melhor momento para fechar o espaço na parte final, menos inclinada, e depois, numa aceleração derradeira, superar Roglic, que não teve capacidade de reação.

“A equipa fez um ótimo trabalho para mim. Deram-me muita confiança e eu consegui economizar energia durante o percurso inteiro graças aos meus companheiros. No final, sabia o que tinha que fazer. Mas doeu!”, afirmou Alaphilippe.

PUB
Specialized Levo

“Estava perfeitamente posicionado. Consegui escalar a parte mais dura do Mur nas primeiras posições e depois são as pernas que fazem a diferença. Sabia que não ia ser fácil com Roglič e com Valverde, mas consegui!”, contou o francês, que tinha vencido a Fléche Wallonne em 2018 e 2019.

“Só queria mostrar que tenho uma cabeça forte. Desde o início da temporada não ganhei muito e isso não me impediu de me divertir, mas queria muito levantar os braços novamente. Coloquei um pouco de pressão sobre mim mesmo, porque queria vencer novamente, especialmente com a camisola do arco-íris”, disse Alaphilippe.

O ataque de Roglič tirou a “equação” o vice-campeão da Amstel Gold Race Tom Pidcock (Ineos Grenadiers), que foi ainda superado por Michael Woods (Israel Start-Up Nation) e Warren Barguil (Arkéa-Samsic), terminando em sexto.

David Gaudu (Groupama-FDJ), Esteban Chaves (BikeExchange), Richard Carapaz (Ineos Grenadiers) e Max Schachmann (Bora-Hansgrohe) completaram os dez primeiros.

PUB
TrekFest 2024

Também vais gostar destes!