E como não há uma sem duas, Kaden Grooves (Alpecin-Deceunick) venceu novamente ao sprint na rápida chegada a Burriana, Valência. O camisola verde aumenta assim a liderança e destaca-se como o melhor sprinter da prova. Na geral, as contas mantém-se (quase) intactas…

PUB
Selle SMP

O perfil era adequado aos homens mais rápidos, pelo que o traçado entre Morella e Burriana, com 186 kms de extensão, não foi favorável à formação da fuga… Contudo, Eric Fagundez (Burgos-BH) arrancou sem companhia ao km 16 e chegou mesmo a atingir uma diferença para o pelotão de mais de cinco minutos.

PUB
Orbea Genius Dealers

A equipa da Alpecin-Deceuninck tinha vindo a encurtar a distância para o uruguaio que seguia na frente, e com isto Eduardo Sepulveda (Lotto Dstny), na aproximação à subida de Collado de Ibola, vê a oportunidade de aumentar a liderança da classificação da montanha, camisola que é envergada pelo próprio.

Sepulveda arranca com 1m50s para Fagundez e, a mais de 50 kms da meta, o ciclista defensor da montanha consegue alcançar e, passar facilmente, Eric Fagundez, angariando mais cinco pontos na classificação.

Os dois atletas mais adiantados rapidamente são apanhados após a contagem de montanha; primeiro Fagundez, a 40 kms da meta, e três kms depois Sepulveda.

PUB
Selle SMP

Na aproximação ao final da etapa, a Alpecin-Deceuninck esperava reunir mais alguns pontos para Kaden Grooves na última meta volante do dia, mas Reemco Evenepoel (Soudal-QuickStep) decidiu ir sprintar e “roubar” o primeiro lugar a Grooves, ganhando assim seis segundos na geral…

A aproximação prossegue a alta velocidade e com muitas equipas na frente do pelotão. Mais ênfase para a equipa de Kaden Grooves, que desempenhou da melhor forma o comboio para o ciclista voltar a vencer pela segunda vez consecutiva nesta edição da Volta a Espanha.

PUB
Novidades Trek 2024

Filippo Ganna (Ineos Grenadiers) esteve quase, mas ficou-se pelo segundo lugar, e em terceiro terminou Dries Van Gestel (TotalEnergies).

Na classificação geral: Reemco Evenepoel distancia-se seis segundos de todos os outros adversários e continua líder da Vuelta 2023. Enric Mas ocupa o segundo posto, a 11 segundos, e Lenny Martinez (Groupama-FDJ) está em terceiro, a 17 segundos.

Nota para os portugueses que ainda se encontram em prova:

  • João Almeida (UAE Emirates) na 10ª posição, a 48 segundos;
  • Nelson Oliveira (Movistar) na 51ª posição, a 10 minutos;
  • Rui Costa (Intermarché-Circus-Wanty) na 125ª posição, a 24m47s;
  • André Carvalho (Cofidis) na 143ª posição, a 27m44s;
  • Rui Oliveira (UAE Emirates) na 157ª posição, a 30m46s.

Nas restantes classificações: Kaden Grooves lidera nos pontos, Eduardo Sepulveda segue líder da montanha e Reemco Evenepoel mantém a juventude.

Mais info:

Lê também:

Vuelta 2023 – etapa 4: Kaden Grooves acreditou e venceu ao sprint [com vídeo]

Imagens: La Vuelta // Twitter Mihai Simion

Também vais gostar destes!