O belga Thibau Nys (Lidl-Trek) venceu a terceira etapa da Volta à Suíça, de 161,7 quilómetros, entre Steinmaur e Rüschlikon, impondo-se num sprint em grupo restrito.

PUB
Cube Stereo ONE

Neste incluiu-se o italiano Alberto Bettiol (EF Education-Easy Post), terceiro na tirada, que ao averbar o mesmo tempo do vencedor ascendeu à liderança da classificação geral, sucedendo ao belga Yves Lampaerts (Soudal Quick-Step), que cedeu ao ritmo alto nas subidas nos últimos quilómetros.

Numa etapa que teve três ascensões curtas nos últimos 40 quilómetros, Thibau Nys, de 21 anos, triunfou à frente do britânico Stephen Williams (Israel-Premier Tech).

Bettiol enverga a camisola amarela, com seis segundos de vantagem sobre o britânico Ethan Hayter (INEOS), segundo, e o neerlandês Wilco Kelderman (Visma-Lease a Bike) em terceiro.

PUB
Nova Trek Supercaliber

João Almeida (UAE Emirates) cedeu sete segundos para o vencedor da tirada, e entre sete a quatro para os principais adversários na classificação geral, descendo do terceiro para o quinto lugares, agora a nove segundos do novo detentor da camisola amarela.

PUB
Giant TCR 2024

Rui Costa (EF Education-Easy Post), que foi quinto na etapa 2, na véspera, perdeu 43 segundos (56º) nesta tirada e ocupa agora a 54.º, a 59 segundos do companheiro de equipa Bettiol, que lidera a tabela, enquanto Nelson Oliveira (Movistar) é 84.º, a cinco minutos.

Na quarta-feira, a quarta etapa liga Rüschlikon a Gotthard Pass em 171 quilómetros, abrindo a alta montanha no traçado da 87.ª edição, com a meta pouco depois de uma subida de primeira categoria.

Classificações


Crédito da imagem: Juan Clavijo Twitter  – https://x.com/Juan_Clavijo_/status/1800541142406304187/photo/1

Também vais gostar destes!