E o grande vencedor da etapa rainha do Giro é… Sem surpresa, Tadej Pogacar, o rei da montanha (e de muito mais) da corsa rosa, que este domingo deu mais um recital de ciclismo a caminho da magistral Livigno, ao fim de 222 quilómetros de uma jornada-maratona espetacular.

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Depois de três triunfos na primeira semana, o esloveno não iria querer perder a oportunidade de deixar a sua marca. Mais do que a quarta vitória (certamente serão mais na última semana muito montanhosa), Pogacar queria vencer esta etapa, que disse ter como objetivo desde dezembro, quando foi revelado o percurso da Volta a Itália 2024 e decidiu estrear-se na corrida.

“Foi um dos melhores dias da minha carreira, embora não diria o melhor. Foi uma etapa soberba, com estradas muito boas e subidas agradáveis. Tinha esta etapa em mente desde dezembro! Conseguimos manter a corrida sob controlo, porque a fuga foi muito forte. Dei tudo nos últimos 15 quilómetros, estou feliz por poder vencer a etapa rainha, em Livigno, um dos meus lugares favoritos na Itália”, explicou o camisola rosa.

Pogacar atacou a 22 km da meta, primeiro deixando para trás os seus rivais diretos na classificação geral e depois foi apanhando um a um os fugitivos que restavam. “Tivemos de ser inteligentes, porque houve vento favorável quase toda a etapa e isso beneficia a fuga. Não podíamos dar muita vantagem. Conversámos entre nós na equipa e correu tudo como planeado. Na penúltima subida, Rafa [Rafal Majka] fez um ótimo trabalho, deixou toda a gente a sofrer na roda. E eu apenas tentei continuar esse ímpeto e espero fazer a diferença, e conseguir chegar ao topo”.

O último adversário que Pogacar bateu para chegar à glória foi um também soberbo Nairo Quintana, a 2 km da chegada. O colombiano não merecia perder a vitória. “Vi Froome e Quintana em batalha quando era criança, mas Quintana atacava sempre muito perto do final, por isso ficava muito aborrecido com ele por não ter tentado atacar Froome de longe. Hoje ele fez uma ótima corrida, assim como Georg Steinhauser, eles merecem que lhes faça essa honra”, concluiu o líder da geral, agora com uma vantagem de 6 minutos e 41 segundos sobre o segundo, Geraint Thomas (INEOS Grenadiers).


Créditos da imagem: UAE Emirates Twitter – https://x.com/giroditalia/status/1792209977458982933/photo/1

PUB
Giant TCR 2024

Também vais gostar destes!