Biniam Girmay é o primeiro ciclista africano a vencer uma etapa da Volta a França, com o triunfo neste terceiro dia da prova francesa. E é também o ciclista que deu à Intermarche-Wanty a primeira vitória de etapa no Tour. Ou seja, história a ser feita em direto!

PUB
KTM E-Bikes BTT

Ao sprint, Girmay bateu Fernando Gaviria (Movistar Team), Arnaud de Lie (Lotto-dstny), MadsPedersen (Lidl-Trek) e Dylan Groenewegen (Jayco-AlUla), que ocuparam o pódio da corrida por esta ordem. E assim é Richard Carapaz (EF Education-EasyPost) quem fica a liderar a geral. Mas já lá vamos…

Os 230,8 kms entre Piacenza e Turim constituiram a mais longa tirada do Tour e também uma das mais aborrecidas, talvez, apenas com uma curta incursão de Jonas Abrahamsen e Johannes Kulset (Uno-X) ao longo de cinco escassos kms (quase se pode dizer que pararam à espera do pelotão…) e outra de Fabien Grellier (TotalEnergies) mais para a frente.

Nos últimos kms, a “correria” habitual dos “comboios” das equipas para posicionarem os seus sprinters. Muitas rotundas seguidas, nas quais foi sempre melhor passar pela esquerda, e duas viragens à esquerda já na parte final…

Nestas condições, um furo a “vitimar” Mathiew van der Poel (Alpecin-Deceuninck), que assim chegou separado da secção da frente sem conseguir lançar Jasper Philipsen.

Mas este também não chegou no grupo da frente nem foi ao sprint (ele e muitos outros…), pois a 2,3 km da meta uma queda “apanhou” um grupo muito grande, a alta velocidade, partindo por completo o pelotão. E a “partir” também as aspirações de Cavendish de conseguir a 35ª vitória no Tour. 

Temos então Richard Carapaz com a amarela. Mas atenção que na frente estão quatro corredores empatados com o mesmo tempo: além de Carapaz, Pogacar, Evenenpoel e Vingegaard, claro. Amanhã haverá novidades, certamente.

Na etapa de amanhã, a 4ª etapa, há duas ascensões a ter em conta e onde acreditamos que começarão os ataques a sério! Primeiro uma subida de 2ª categoria e depois uma de 1ª categoria, o famoso Col du Galibier, na plenitude dos Alpes, uma subida com 2.642 metros de acumulado positivo. Esta é a primeira passagem pelos Alpes na Volta a França e também o primeiro dia de alta montanha na prova gaulesa.

Mais info e classificações:


Crédito da imagem principal: Tour de France X/Twitter

PUB
Orbea Genius Dealers

Também vais gostar destes!