Mathieu van der Poel não pôde lutar pela vitória na semi-clássica Le Samyn, disputada ontem, na Bélgica, devido ao guiador da sua bicicleta ter-se partido nos quilómetros finais da corrida. O companheiro de equipa do holandês na Alpecin-Fenix, Tim Merlier, foi o vencedor.

PUB
Polisport Joy

Vem der Poel esteve ao ataque durante grande parte prova, mas foi forçado a percorrer os derradeiros 1,5 km com uma seção do guiador da sua Canyon na… mão. Incapaz de colocar as mãos nos drops do guiador, Van der Poel viu-se desde logo impedido de lutar pelo triunfo no sprint final, mas continuou a tirar à cabeça do pelotão.

Van der Poel partiu o guiador neste setor final de pavé (Foto by Luc Claessen/Getty Images)

“Eu estava muito bem, mas não consegui fazer mais potência porque o meu guiador quebrou-se no longo setor final de pavé”, disse o campeão mundial de ciclocrosse. “Disse imediatamente ao Merlier que responderia a todas as movimentações, que ele se concentrasse no sprint. Fiz tudo o que pude e estou muito feliz por a vitória ter sido da equipa”, declarou Van der Poel que terminou a corrida em 37º lugar, a 16 segundos de Merlier.

Na imagem, o holandês segura a parte do guiador que se partiu

A Alpecin-Fenix corre com bicicletas Canyon e Van der Poel tem utilizado o modelo Aeroad CFR (azul claro) esta temporada. A marca usa um design de cockpit de várias peças nos seus modelos Aerocockpit de topo de gama, com a barra dividindo-se em três peças para o transporte, embora o ponto em que ocorreu a quebra pareça estar mais abaixo.

Duelo do Tour de Frandres’2020 com Van Aert poderá reeditar-se no próximo sábado no Strade Bianche (Photo by Luc Claessen/Getty Images)

A próxima corrida do holandês será a Strade Bianche, no sábado, em que enfrentará o seu eterno rival Wout van Aert.

PUB
Trek E-Caliber

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

Também vais gostar destes!