Mathieu van der Poel manteve a confiança na Canyon Aeroad ontem, na Strade Bianche, apesar de o fabricante alemão ter dado indicações à equipa Alpecin-Fenix – e todas as demais a que a marca patrocina – para não usar este modelo enquanto decorrer a investigação para apurar as causas da quebra de guiador na bicicleta do holandês na prova La Samny, na última semana.

PUB
TrekFest 2024

Antes da corrida toscana havia rumores de que Van der Poel e os seus companheiros iriam utilizar o modelo mais leve da Canyon, Ultimate, que partilha a mesma construção de carbono CFR da Aeroad. No entanto, ficou claro que pelo menos Van der Poel manteve o quadro Aeroad.

(Foto by Luc Claessen/Getty Images)

Num ‘post’ no Instagram, a Canyon admitiu que a Alpecin montou uma versão adaptada da Aeroroad CFR para Van der Poel. “Mathieu ganhou hoje com uma Aeroad CFR adaptada, a que foi acoplado o cockpit CP00010″, refere a Canyon. “Esta configuração continuará a ser executada pelas nossas equipas, enquanto investigamos os cockpits CP00015 e CP00018, após o que ocorreu com o guiador de Mathieu em Le Samyn na terça-feira”.

Não foi confirmado se foi algum engenheiro da Canyon ou mecânico de equipa Alepecin que realizou as adaptações, todavia fica clara a preferência de Van der Poel na Aeroroad face à Ultimate, apesar deste último pesa menos 300 gramas.

PUB
Giant TCR 2024

Também vais gostar destes!