A Volta ao Algarve recebe, este ano, um número recorde de equipas do WorldTour, com 14 inscritas para a prova que decorre de 17 a 21 de fevereiro, ganha em 2020 por Remco Evenepoel, da Deceuninck-QuickStep, à frente de Max Schachmann, da Bora-Hansgrohe, e de Miguel Angel Lopez, da Astana.

PUB
KTM E-Bikes BTT

Doze formações do escalão principal do ciclismo repetem a presença de 2020, em que a CCC Team será substituída pela belga Intermarché-Wanty Gobert, que assumiu a licença WorldTour daquela equipa norte-americana.

Remco Evenpoel impõe-se a Maximilian Schachmann na chegada ao Alto da Foia, em 2020

Astana-Premier Tech, Bora-Hansgrohe, Cofidis, Deceuninck-QuickStep, Groupama-FDJ, Ineos Grenadiers, Israel Start-Up Nation, Lotto Soudal, Team DSM, Trek-Segafredo e UAE Team Emirates também estão de volta.

Além destas, Jumbo-Visma e Movistar também participarão, deixando Bahrain Victorious, EF Education-Nippo, Team BikeExchange e Qhubeka-Assos como as únicas equipas do WorldTour ausentes da prova algarvia.

Entre as ProTeams, a Caja Rural-Seguros RGA e a Rally Cycling estão na lista de inscritas, assim como as equipas portuguesas do escalão Continental, Atum General-Tavira-Maria Nova Hotel, Efapel, Antarte-Feirense, Kelly-Simoldes-UDO, LA Alumínios-LA Sport, Louletano-Loulé, Rádio Popular-Boavista, Tavfer-Mortágua e W52-FC Porto.

Amaro Antunes, do FC Porto-W52, vencedor da Volta a Portugal de 2020, ao ataque no Malhão – Photo@Joao Fonseca

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Com o cancelamento do Tour Down Under, na Austrália, e a Vuelta a San Juan, na Argentina, provavelmente restringidas às equipas domésticas, e o Tour dos Emirados Árabes Unidos, no final de fevereiro, como o único grande ponto de encontro não europeu no início da temporada, a Volta ao Algarve é uma das provas de abertura do calendário no Velho Continente, a par da Volta à Comunidade Valenciana, o Tour da Provença e a Volta à Andaluzia.

Chris Froome, da Israel Start-Up Nation, que tinha previsto estrear-se em San Juan, poderá agora fazer essa primeira prova da temporada – e na sua nova equipa, a Israel Start-Up Nation – no Algarve. O britânico regressaria após nove anos de ausência. Todavia, neste momento, nenhum corredor foi confirmado para estar à partida.

Também vais gostar destes!