Sam Bennett venceu a etapa de abertura do Paris-Nice com um sprint vigoroso batendo Arnaud Démare (Groupama-FDJ) e Mads Pedersen (Trek-Segafredo).

PUB
Nova Trek Supercaliber

O irlandês da Deceuninck-QuickStep, que veste assim a camisola amarela nesta competição francesa, prolonga a sua série vitoriosa, após as duas etapas conquistadas na Volta aos Emirados Árabes Unidos.

Sam Bennet repete amarela do célebre Stephen Roche em 1990 (Foto Bas Czerwinski/Getty Images)

Sam Bennett é o primeiro do seu país, desde Stephen Roche, em 1990, a liderar a ‘Course au soleil – a Corrida ao Sol’, como é conhecido Paris-Nice.

Richie Porte (Ineo) caiu e teve de abandonar a prova (Foto Bas Czerwinski/Getty Images)

A segunda nota de destaque na primeira jornada do Paris-Nice foi o abandono devido a queda de Richie Porte (Ineos Grenadiers). Os restantes favoritos aos lugares de destaque da classificação geral chegaram à meta integrados no pelotão principal.

Primoz Roglic entre os favoritos à vitória final no Paris-Nice (Foto Bas Czerwinski/Getty Images)

PUB
Giant TCR 2024

“Os meus companheiros de equipa fizeram um trabalho fantástico novamente. Ficámos um pouco fechados nos últimos 15 km, o que fez com que a preparação do sprint fosse algo caótica”, disse Bennett. “O estreitamento da estrada nos últimos 500 metros tornou-se muito, muito complicado. Os rapazes deixaram-se numa roda em vez de fazerem o comboio até ao fim, o que foi o mais acertado. Michael [Morkov] impressiona pela sua tranquilidade, nunca vemos stressado, e é ele que parece sempre para me levar”, elogia o velocista da Deceuninck.

Também vais gostar destes!