A nova Scott Ransom para 2024 está mais uma vez preparada para deixar os praticantes de enduro de queixo caído… E o principal ponto de destaque continua a ser a suspensão traseira integrada que já se conhece da marca norte-americana, apesar de, neste caso, se tratar de sistema de seis links.

PUB
Giant Trance X Advanced E+ Elite

Este tipo de design parece estar reservado para marcas de conceção mais exclusiva, além de que o sistema Twinloc continua também a estar presente, permitindo escolher diferentes configurações para o amortecimento: bloqueio total de ambas as suspensões, desbloqueio total ou curso a 70%, sensivelmente.

“Desenvolvida em estreita colaboração com os atletas da Taça do Mundo de Enduro da Scott e outros freeriders de renome mundial, a nova Scott Ransom incorpora a tecnologia de suspensão integrada (IST) patenteada pela Scott em conjunto com a nova mecânica de 6 links, que proporciona uma experiência de condução incrível”, refere a marca em comunicado.

Um sistema de suspensão 6-Bar significa que estão presentes até seis pivôs ou pontos de articulação (os denominados “links”), que conferem um #comportamento extremamente preciso, desenhando uma infinidade de arcos diferentes à roda”: o triângulo “agarra-se” de forma flutuante à estrutura principal do quadro. Aliás, 170 mm é o curso em ambas as suspensões.

imagem-scott-ransom

O sistema 6-Bar é ideal para realizar ajustes mais precisos em cada parâmetro, de forma independente, explica o fabricante. A Scott destaca ainda a importância de considerar a bicicleta como um sistema completo, alcançando com este sistema 6-Bar “um ótimo equilíbrio entre o desempenho da suspensão, a transferência eficiente de carga e um design otimizado do quadro”, explicam.

PUB
Novidades Trek 2024

imagem-scott-ransom

O acesso ao amortecedor é feito removendo a já conhecida tampa no tubo diagonal: basta pressionar um pequeno botão, retirar a tampa e o amortecedor estará acessível.  imagem-scott-ransom

O quadro, por enquanto, só está disponível em duas fibras de carbono diferentes (a exclusiva HMX e a HMF com triângulo traseiro em alumínio), sendo que a bicicleta vem de série com rodas de 29”, mas permite a instalação de uma roda traseira de 27,5” para transformá-la numa ‘mullet’.

Isto é possível graças ao uso de um chip-flip de geometria (instalado no ponto de fixação inferior do triângulo traseiro).

imagem-scott-ransom

PUB
Cube Stereo ONE

Outro detalhe “personalizável” é o ângulo de direção, que pode ser ajustado entre a opção padrão de 64,4º ou entre 63,8 e 65º, referem.

Outro ponto a ter em atenção nesta nova versão da Scott Ransom é o compartimento integrado no tubo diagonal, que inclui o kit Matchbox da Syncros, que tem uma câmara de ar extra, “desmontas”, uma ferramenta para a corrente e ainda um conjunto de chaves.

A versão mais exclusiva para já é a Ransom 900 RC, com quadro totalmente em carbono HMX e equipamento de topo. Depois estão na gama as versões 910, 920, 930 e Contessa 910, com quadro em carbono HMF e triângulo traseiro em alumínio.

Segue o link abaixo para veres mais informação e consultares as listas de especificações completas de todas as versões da nova Scott Ransom.

Mais info:

Também vais gostar destes!