Esta proteção de escora chega-nos das Antípodas (mais concretamente da Nova Zelândia) e de certa forma inaugura um standard de qualidade pouco visto num acessório para bikes de BTT que todos conhecemos e usamos, praticamente.

PUB
Orbea

Trata-se da VHS 2.0 Slapper Tape (a sigla inicial designa Velocity Hucking Systems) que apesar da aparência downhiller pod dar jeito a qualquer praticante de BTT que deseja ter esta parte do quadro a salvo das pancadas da corrente à medida que ultrapassamos os obstáculos típicos da prática da modalidade.

As primeiras impressões que temos do acessório são especialmente interessantes para quem ainda é do tempo das cassetes de vídeo e dos vídeogravadores VHS. Ainda te lembras? Isto porque, num trocadilho com o nome do produto, a pequena caixa/embalagem é a reprodução de uma cassete VHS, que até deixa ver a fita no interior. Original, no mínimo.

Depois, falando do que está dentro da caixa, eis uma proteção de escora com dimensões adequadas para instalação em qualquer tipo de quadro, pois tem 350 x 70 mm.

A ideia é que possamos recortar a proteção à medida da nossa escora, sendo que podemos depois utilizar a sobra em qualquer outra parte do quadro que precise de proteção equivalente. A estética desta borracha de proteção também é diferente do habitual…

É composta por borracha tipo silicone muito maleável e com “bolhas” de ar com 1 cm de altura. Podemos pensar que a instalação ou colagem na escora se torna complicada, isto pela aparência do acessório, mas a verdade é que o processo é muito simples e eficaz. Seguindo as instruções fornecidas não haverá qualquer problema na instalação.

PUB
Specialized Aethos

Mais: como não temos muito jeito para estas operações, não conseguimos que ficasse perfeito à primeira. Tivemos de descolar e voltar a colar a proteção, algo que não trouxe qualquer dificuldade ou contrariedade. O adesivo tem o selo de qualidade da famosa marca 3M.

Uma vez colocada, a sensação é que não está no sítio, de certa forma. Mas é preciso esperar seis horas até utilizarmos a bike depois da instalação, especialmente se tivermos ideia de lavar a bicicleta a seguir. Este ponto é importante.

Na prática…

Não é fácil de concluir sobre a performance de um acessório deste género, cuja finalidade é mais proteger e nem tanto influenciar o modo como usamos a bike, certo? Assim, o mais importante foi perceber que não se ouve qualquer barulho típico dos toques da corrente no quadro.

Em zonas de pedras altas e outros obstáculos mais complicados, com a corrente nos carretos mais pequenos, esta fica mesmo muito próxima da VHS 2.0 Slapper Tape, fazendo o seu trabalho. Fora das zonas “complicadas”, a subir e a rolar, esta proximidade não interfere com o funcionamento normal da transmissão.

Por outro lado, o silicone da construção faz com que o pó e a sujidade adira com facilidade à proteção. Mas com água, sabão e a habitual escova de limpeza da bike fica tudo de novo impecável.

Não tivemos oportunidade ainda de experimentar com terrenos enlameados, mas acreditamos que a lama também agarre com facilidade à fita. A limpeza será fácil, certamente.

Este não é contudo um produto barato (custa 29,95 euros) tendo em conta a sua finalidade e percebendo que o que não falta por aí são produtos idênticos bem mais baratos, de várias marcas e gamas. Mas funciona, isso é certo.

Site oficial:

Importador PT/ES:

Disponível na loja:

PUB
Polisport Balance Bike

Estás a gostar do GoRide.pt?

Então subscreve a Newsletter GoRide.pt clicando/tocando na imagem abaixo!

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

José Escotto
O nosso responsável pelo GoRide Espanha! Experiência na área do ciclismo (e do desporto em geral) não lhe falta e muito menos entusiasmo quando se trata de divulgar as mais recentes novidades de bicicletas e BTT.

    Também vais gostar destes!

    Mais em Acessórios