Chris Froome questionou os méritos dos travões de disco, considerando que “a tecnologia ainda não está exatamente onde deveria estar” para o ciclismo de estrada.

PUB
Cube Stereo ONE

Num vídeo dirigido ao público em geral, o quatro vezes vencedor do Tour de France apresentou as características da sua nova bicicleta principal de competição, a Factor Ostro VAM, mas se, por um lado, revela entusiasmo com o desempenho do quadro e da maioria dos componentes, por outro, não consegue disfarçar reservas sobre a performance dos discos de travão.

Depois de dez anos a utilizar bicicletas Pinarello com travão de pinça na Team Sky/Ineos, o britânico correrá exclusivamente com travões de disco na Factor Ostro VAM, na sua nova equipa, Israel Start-Up Nation.

“Ainda não estou 100 por cento convencido”, admite o corredor britânico. “Tenho-os usado nos últimos meses e, em termos de desempenho, são ótimos, estão lá quando precisamos de travar, no seco e no molhado cumprem exemplarmente a sua função”, começou por explicar, mas, em seguida, apontou pontos negativos, que não são poucos ou desprezíveis.

PUB
Giant TCR 2024

“O lado negativo dos travões de disco: a fricção quase constante, a maior exposição a avarias, o sobreaquecimento, o empeno ligeiro em descidas após mais de cinco ou dez minutos de travagens constantes. Pessoalmente, não acho que a tecnologia esteja exatamente onde precisa estar para o ciclismo de estrada”, declarou Froome, antes de reforçar a lista de deficiências. “A medida entre o disco e as pastilhas ainda é muito estreita e está sempre a causar fricção, além de que é frequente um pistão aliviar mais do que do que o outro. E isso não é bom”.

A Ineos-Grenadiers é a única equipa no WorldTour que ainda usa exclusivamente travões de pinça. “Aceito que esta é a direção que a indústria pretende seguir”, acrescenta Froome. “Nós, corredores, teremos de nos adaptar e aprender a usá-los [os travões de discos]”, reconheceu ainda.

“Se alguém ainda não usa discos, é apenas uma questão de tempo até ficar desatualizado e seja forçado a usá-los”, concluiu Froomey, dirigindo-se ao público no referido vídeo.

PUB
Giant TCR 2024

Também vais gostar destes!