Frederico Figueiredo foi 10.º classificado e o melhor corredor da equipa portuguesa Sabgal-Anicolor, na terceira e decisiva etapa da Volta a Antalya, ganha pelo italiano Davide Piganzoli (Polti-Kometa), que assumiu a liderança da classificação geral da corrida turca.

PUB
Nova Trek Supercaliber

O jovem transalpino, de 21 anos, foi o mais forte na subida final (7 quilómetros à inclinação média de 9%) que coincidiu com a meta, em Tahtali, após 133,4 quilómetros desde partida em Kemer, batendo os compatriotas Alessandro Pinarello por 14 segundos e Eduardo Zambanini por 18s.

Frederico Figueiredo fechou o top-10, a 36 segundos do vencedor, e subiu à 25.º da classificação geral, a 2,03 minutos de Davide Piganzoli, que foi o terceiro posicionado na Volta a França do Futuro (Tour de l’Avenir) em 2023. O corredor português é o segundo mais bem classificado da Sabgal, atrás do dinamarquês Matthias Bregnhoj, 19.º a 1.37 do camisola amarela.

Em sentido inverso, José Sousa, que partiu para a tirada em sexto, perdeu 18.58 minutos para Piganzoli (111.º), caindo para a 66.ª posição, a 19.07 minutos do novo camisola amarela.

A competição termina este domingo, com a quarta etapa, na extensão de 183,9 quilómetros, com início e final em Antalya.

Classificações:


Crédito da imagem: Twitter Alberto Contador – https://twitter.com/albertocontador/status/1756337042022121937/photo/1

PUB
KTM E-Bikes BTT

Também vais gostar destes!