Entre os próximos dias 2 e 4 de julho realiza-se o primeiro ‘Flanders Gravel’, evento do tipo Granfondo que vem acrescentar-se ao calendário de provas das Flanders Classics, do mesmo organizador do Tour de Flandres, uma das cinco Clássicas-Monumentos do ciclismo mundial, em que se incluem Milão-San Remo, Paris-Roubaix, Liége-Bastogne-Liége e Giro da Lombardia.

PUB
Polisport Joy

Em cooperação com a LtD Gravel Rides, empresa fundada pelo ex-corredor profissional e embaixador do gravel, o holandês Laurens ten Dam, a edição inaugural do ’Flanders Gravel’ terá como base logística a mesma cidade-sede do Tour de Flandres, Oudenaarde, na Bélgica, e percursos que passam pelos icónicos muros em paralelepípedos (pavé) do Koppenberg, Patersberg, Kluisberg e Kwaremont.

“Esperamos ver luz no fim do túnel”, explica o diretor da Flanders Classics, Tomas Van Den Spiegel, referindo-se às restrições impostas pela pandemia de Covid-19. “Temos trabalhado muito para lançar este evento, e se tudo estiver bem daremos as boas-vindas aos participantes no início de julho. No entanto, também marcámos uma data alternativa, de 16 a 18 de outubro”.

Haverá dois tipos de inscrições para o evento. A modalidade básica, Saturday Troopers, que dará direito a participação na prova de ciclismo, no dia 3 de julho, sábado, com partida da célebre praça do centro de Oudenaarde. Nesta, os participantes poderão optar por três percursos, de 80, 120 ou 160 quilómetros.

Os inscritos no programa mais completo Weekend Warrior terão autorização para acampar, a partir de sexta-feira, dia 2, numa área designada perto da linha de chegada e é-lhes dedicado eventos especiais adicionais para sexta-feira à noite e domingo (dia 4) de manhã.

“O Flanders Gravel dirige-se especialmente aos ciclistas recreativos. Estamos ansiosos por um fim de semana em que a bicicleta de gravel será o centro das atenções, combinada com o ambiente típico desta especialidade do ciclismo, descontraído e único. Os trajetos levarão os participantes a setores de pavé ainda desconhecidos do grande público, aos nossos famosos ‘icebergs’ e a seções de gravel exclusivas”, explicou aquele responsável.

Foto Luc Claessen/Getty Images)

Está igualmente previsto bastante entretenimento, com música de DJs e em concertos ao vivo, além de uma exposição/feira de bicicletas, serviços de catering e a cerveja belga em abundância.

O co-organizador do evento, Laurens ten Dam, que depois de se retirar o ciclismo profissional tem sido reconhecido por promover a cultura do gravel nos Países Baixo, diz-se entusiasmado por fazer parte do novo projeto. “A bicicleta de gravel está a tornar-se cada vez mais popular na Bélgica. Trabalhar com a Flanders Classics garante aos ciclistas a melhor experiência, o contacto com o melhor da história do ciclismo mundial e do ciclocrosse, e que agora poderá misturar-se com o DNA do gravel. Estou esperançado que o evento se realize em julho”.

Mais info:

www.flandersgravel.cc

PUB
Polisport Trailer

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

Também vais gostar destes!