Fabio Aru ficou em quinto lugar na terceira corrida de ciclocrosse que disputou neste defeso da temporada, em Montodine, nos arredores de Cremona, Itália, no último domingo.

PUB
Novidades Trek 2024

O italiano fez a primeira prova desde que assinou pela equipa sul-africana Qhubeka Assos, em dezembro. Aru participou ainda com as cores da anterior equipa, a UAE Emirates, na semana passada, em duas provas, em Ancona e San Fior, também em Itália.

As corridas de ciclocrosse representam uma espécie de regresso às origens para o vencedor da Vuelta a Espanha em 2015, que competiu naquela disciplina nas categorias de juniores e sub-23, antes de se dedicar totalmente ao ciclismo de estrada.

“Sinto-me cada vez melhor na lama, mas o mais importante é estar a divertir-me como uma criança que faz as suas primeiras corridas. Isso é desporto, essa é minha paixão!”, escreveu Aru nas redes sociais após a prova de Cremona.

A transferência para a Qhubeka Assos (ex- NTT) é a oportunidade de o ciclista de 30 anos reabilitar a carreira, abalada pela passagem discreta, nos três últimos anos, ao serviço da Emirates, que culminou com a sua saída da equipa árabe, precipitada pelo abandono sem glória no Tour de 2020.

PUB
Novidades Trek 2024

Também vais gostar destes!