Egan Bernal testou positivo para COVID-19 poucos dias depois de vencer o Giro de Itália, forçando-o a atrasar o regresso à Colômbia para comemorar a sua vitória na competição.

PUB
Nova Trek Supercaliber

De acordo com uma mensagem transmitida pelo seu assessor de imprensa pessoal e posteriormente confirmada pela equipa Ineos Grenadiers, Bernal descobriu que está positivo para COVID-19 ao fazer um teste PCR obrigatório para viajar da Europa para a Colômbia este sábado.

O ciclista colombiano e sua parceira Maria Fernanda, que também testou positivo, estão agora em isolamento no Mónaco e apresentam sintomas ligeiros.

Num breve comunicado, a Ineos Grenadiers refere que “Egan [Bernal] ainda planeia regressar à Colômbia assim que o seu período de isolamento terminar, para comemorar a vitória no Giro na sua terra natal”.

Bernal já tinha previsto não participar do Tour de França – Geraint Thomas e Richard Carapaz devem liderar a Ineos na prova francesa – ou nos Jogos Olímpicos Tóquio, mas estará na Vuelta a Espana, o seu objetivo principal na segunda parte da temporada de 2021.

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Também vais gostar destes!