Derek Gee (Israel-Premier Tech) venceu a terceira etapa do Critério do Dauphiné, esta terça-feira, impondo-se ao francês Romain Grégoire (Groupama-FDJ), depois de ambos se terem destacado de um grande grupo de 50 elementos, a 300 metros da meta em Les Estables, após 181,7 quilómetros desde Celles-sur-Durolle.

PUB
Nova Trek Supercaliber

A três segundos do duo da liderança, no grupo perseguidor que integrou os principais favoritos à classificação geral, o britânico Lukas Nerurkar (EF Education-EasyPost) foi o mais rápido, à frente do italiano Giulio Ciccone (Lidl-Trek) e do colombiano Harold Tejada (Astana Qazaqstan).

Aquela vantagem permite a Derek Gee arrebatar a camisola amarela ao dinamarquês Magnus Cort Nielsen (Uno-X Mobility), 21.º na etapa, e que cai para o segundo lugar na classificação geral, a 3 segundos do vencedor do dia. Romain Grégoire é o terceiro, a 4 segundos.

PUB
Schwalbe Pro One Tubeless

Todos os grandes candidatos deste Dauphiné chegaram juntos, no referido grupo principal, e na hierarquia absoluta da corrida estão a 13 segundos de Derek Gee, antes do contrarrelógio de 34,4 quilómetros, na quarta-feira.

Classificações:

PUB
KTM E-Bikes BTT

Crédito da imagem: Critério du Dauphiné Twitter – https://x.com/dauphine/status/1798006673346605431/photo/1

Também vais gostar destes!