Ben O’Connor (AG2R Citroën) conquistou a maior vitória da sua carreira em Tignes, final da 9ª etapa do Tour de França, este domingo, chegando à meta isolado após uma ascensão de 21 quilómetros em que descartou os seus parceiros de fuga, a dupla colombiana Sergio Higuita (EF Education-Nippo) e o novo líder da classificação das montanhas Nairo Quintana (Arkéa-Samsic).

PUB
KTM E-Bikes BTT

 

Com este triunfo e o muito tempo ganho na classificação geral, o australiano salta para o segundo lugar da geral, a 2.01 minutos de Tadej Pogacar (UAE Emirates), que voltou a aumentar a sua vantagem sobre os demais adversários no top-10 da corrida francesa.

O esloveno respondeu a um ataque de Richard Carapaz (Ineos Grenadiers) a quatro quilómetros do final – exatamente quando O’Connor estava a cruzar a linha de meta -, deixando para trás o fragmentado grupo da classificação geral, como o fizeram na etapa de sábado para Le Grand-Bornand.

O trepador italiano da Deceuninck-QuickStep, Mattia Cattaneo, ficou em segundo lugar nesta segunda jornada alpina, já a 5.07 minutos de O’Connor, enquanto o seu compatriota, o velocista Sonny Colbrelli (Bahrain Victorious), completou o pódio após um desempenho impressionante nas montanhas, a 5.34 minutos do australiano.

PUB
TrekFest 2024

Pogacar foi o primeiro dos corredores da classificação geral, a 6.02 minutos de O’Connor, e acrescentou 32 segundos de vantagem sobre Carapaz, Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma), Enric Mas (Movistar) e Rigoberto Urán (EF Education-Nippo).

Urán é o terceiro da geral, a 5.18 minutos do camisola amarela, enquanto Vingegaard ocupa o quarto lugar, a 5.32 m, e Carapaz está em quinto lugar, a 5:33 m.

PUB
Nova Trek Supercaliber

Também vais gostar destes!