O russo Pavel Sivakov, da Ineos-Grenadiers, percorreu um total de 6417 quilómetros de treino nos últimos meses de dezembro e janeiro, completando 230 horas para cumprir essa distância, em que acumulou 105 mil metros de desnível positivo.

PUB
Polisport Joy

Os meses de dezembro e janeiro são, habitualmente, o período da pré-temporada em que os corredores profissionais fazem mais quilómetros e horas de treino, uma parte importante destes nos igualmente comuns estágios de equipa.

Observando a conta do Strava do ciclista de 23 anos verifica-se que, em dezembro de 2020, completou 3107 km em 112 horas e acumulou mais 45.000 metros de desnível positivo, enquanto em janeiro somou 3272 km, em 118 horas e com quase 60.000 metros de desnível. Ou seja, a média diária (não por treino) de 103 km e de quase 1700 metros de desnível acumulado.

Sivakov classificou-se no 16º lugar no recente Tour dos Alpes-Marítimos e do Var, em França, a competição em que se estreou esta temporada. Os registos, impressionantes, confirmam a exigência em volume, e também de desnível, da preparação invernal dos ciclistas profissionais do WorldTour.

PUB
Specialized Recolha em Loja

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

Também vais gostar destes!