Jasper Philipsen (Alpecin-Fenix) conquistou a segunda vitória consecutiva na presente edição da Volta à Turquia, à frente de André Greipel (Israel Start-Up Nation) e de Mark Cavendish (Deceuninck-QuickStep) no sprint pela etapa em Turgutreis.

PUB
Trek E-Caliber

A vitória de Philipen coroou o bom trabalho da Alpecin-Fenix, que habilmente ajudou Jay Vine a ganhar uma bonificação de tempo que o coloca a um segundo da liderança da classificação geral de José Manuel Díaz (Delko) quando falta uma etapa por disputar.

Philipsen obteve a segunda vitória consecutiva, ficando a apenas uma das que conquistou Mark Cavendish na prova, enquanto Greipel superou Cavendish na luta pelo segundo lugar. O corredor da Alpecin ainda tem a última etapa para alcançar os triunfos do britânico da QuickStep.

“Com tanta velocidade, é fundamental acelerar no momento certo”, disse o vencedor, que expressou a sua preocupação sobre o facto da reta da reta estar num declive, tornando a velocidade altíssima e assim o sprint mais perigoso.

“Realmente não entendo por que a organização colocou a linha de chegada em descida depois de tanto que já sucedeu devido a isso [referindo-se, entre outros, ao incidente com Fabio Jakobsen na Volta à Polónia de 2020]. Ainda não vi que velocidade atingi, mas creio que corremos muitos riscos”.

Na classificação geral, Diaz lidera com apenas 1 segundo de vantagem sobre Vine, e com 5 segundos sobre Eduardo Sepulveda (Androni-Sidermec), o terceiro. Tudo pode ainda mudar na última etapa, amanhã, embora esta não tenha dificuldades de relevo.

 

PUB
Trek E-Caliber

NEWSLETTER GORIDE.PT Newsletter GoRide.pt

Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

Também vais gostar destes!