Na ausência das três melhores corredoras da temporada, Fem Van Empel (Jumbo-Visma), Puck Pieterse (Alpecin-Deceuninck) e Shirin Van Anrooij (Baloise Trek Lions), a corrida do Superprestige, em Gullegem, este sábado, foi mais aberta do que qualquer outra nos últimos tempos.

PUB
Vai à Transpyr com a Kenda!

Melhor do que a concorrência, Ceylin Alvarado (Alpecin-Deceuninck) ergueu os braços após um desempenho quase perfeito, batendo Inge Van der Heiden (777) por 36 segundos e Denise Betsema (Pauwels Sauzen – Bingoal), por 46. Esta última ciclista, que não subia ao pódio há quase um mês.

Alvarado, campeã do mundo de 2020, conquistou o quarto triunfo da temporada e aumentou a liderança na classificação geral do Superprestige.

“Na primeira metade da corrida, tive de me empenhar a fundo”, começou por assumir a vencedora no final da prova. “A diferença mantinha-se em dez a quinze segundos e com um pequeno erro essa vantagem desaparece na hora. Quando vi que ultrapassava já os 20 segundos, então pude contemporizar e nas últimas duas voltas fiquei até um pouco mais confortável”, afirmou Ceylin Alvarado.

Classificação completa:

Também vais querer ler…

Shirin Van Anrooij bate Fem Van Empel nas dunas de Coxydes

PUB
LIV INTRIGUE LT

Fotografia: Twitter CXSuperprestige

PUB
Specialized Turbo Levo
Goride Team
Toda a GoRide Team alimenta este site como se não houvesse amanhã :) Damos preferência a tudo o que envolver diversão em cima de uma bike!

    Também vais gostar destes!